"Dia do evangélico" é comemorado em vários estados do Brasil

"Dia do evangélico" é comemorado em vários estados do Brasil

Atualizado: Segunda-feira, 8 Agosto de 2011 as 10:31

Algumas cidades brasileiras comemora o dia do evangélico, instituindo até mesmo feriado. Conforme matéria do Christian Post, na última terça feira, a data foi comemorada em Barreiras na Bahia.   O evento foi organizado pela administração pública do município tendo a participação de várias Igrejas evangélicas. O autor da lei, Jaires Porto, também esteve presente no evento e lembrou da data criada e sua importância. “Quem poderia imaginar que em 2011 estaríamos comemorando o Dia do Evangélico? Esse dia foi considerado o dia da vitória. 02 de agosto foi um divisor de águas”.

A prefeita Jusamari Oliveira expressou sua contentamento com o reconhecimento do dia e agredeceu a Deus dando a Ele a glória. "Queremos glorificar o Senhor nesse dia em que a cidade pára para marcar a presença de um povo que faz toda a diferença. Apesar da Lei existir desde 2001, nunca foi feito um ato oficial do governo. Esse momento é de reconhecimento a todos os evangélicos", disse ela.

A pastora Doralice dos Santos, da Igreja de Deus, disse do evento, “é um ato de respeito a todos os evangélicos. Estamos contentes em saber que o governo municipal valoriza e respeita todas as Igrejas evangélicas de Barreiras”.

Exemplares da Bíblia Sagrada foram entregues a nove escolas municipais durante a comemoração.

O evento comemorando o Dia do Evangélico também é celebrado em outras partes do país. Em Aquidauana no Mato Grosso do Sul, a lei determina o Dia do Evangélico no segundo sábado de agosto, estabelecido em 2009.     O evento está sendo organizado pelo pastor Ailan José do Nascimento, membro da diretoria do Conselho de Pastores de Aquidauana. Nascimento vê o dia como uma oportunidade para o povo de Deus usar a autoridade para proclamar paz e justiça.

“Considerando que decreto significa uma decisão emanada de uma autoridade, o evento está sendo visto como uma grande oportunidade para o povo de Deus usar a autoridade que recebeu D’ Ele para anunciar sobre a cidade um decreto de paz e justiça sobre todas as famílias que vivem em Aquidauana”.

Nascimento afirma que o evento não é apenas um show mas sim um culto de adoração e celebração.

“Vamos declarar de várias formas Aquidauana eu te amo, promover um ato profético e orar pelas autoridades constituídas no nosso município”.     Por Pollyanna Mattos Com informações do Christian Post

veja também