Diácono e pastor são criativos e ousados para semear avanço da ADVEC

Diácono e pastor são criativos e ousados para semear avanço da ADVEC

Atualizado: Quinta-feira, 17 Março de 2011 as 11:53

Um dos objetivos de oração da Assembleia de Deus Vitória em Cristo é abrir 250 templos em cinco anos. A maratona já iniciou desde 2010, sendo prevista para o primeiro semestre de 2011 a inauguração da tão esperada filial da ADVEC em Curitiba (PR). As reformas do templo em Curitiba excederam a previsão de investimentos calculados, pois a estrutura do teto precisou ser refeita e o galpão exigiu inúmeros reparos para se tornar um templo padrão da ADVEC, já que vai comportar três mil pessoas. No final do ano passado, muitos membros da igreja, voluntariamente, atenderam ao chamado do pastor Silas Malafaia para semear na Campanha Curitiba Urgente, destinada a cobrir o gasto com as obras.

Um membro da ADVEC na filial de Nilópolis (RJ) foi mais além. José Luiz Rocha, 40 anos, membro da ADVEC há 10 anos, quando ouviu o pastor Silas Malafaia compartilhar com a igreja a necessidade em Curitiba, teve uma idéia, que ele conta com muita alegria: “Lembrei que um amigo tem uma empresa que faz caixas de papelão, e vi a possibilidade de fazermos para-sol para carros com a logomarca da ADVEC. Pedi autorização ao pastor Silas. Ele concordou com a idéia, então encomendei uma remessa de mil para-sóis para vender a dez reais. Desde janeiro já vendi 200. Toda a verba arrecadada está sendo destinada às obras do templo em Curitiba, porque eu quis dar uma boa oferta”.

Outro exemplo é o do próprio pastor presidente da ADVEC. Em Hebreus 13.7 está escrito: Lembrai-vos dos vossos pastores, que vos falaram a palavra de Deus, a fé dos quais imitai, atentando para a sua maneira de viver. Com base nesse texto bíblico, o pastor Silas Malafaia ofertou à igreja o valor da venda do seu carro, avaliado em 200 mil reais, e divulgou essa ação na Celebração da Santa Ceia no dia 06/03, no templo sede.

“Sou desprendido quanto a semear no Reino de Deus porque sei que, muito mais do que ajudar a obra, essa semeadura vai voltar em uma colheita abundante na área que Deus desejar abençoar. Tenho experiências desse tipo, e uma das coisas por que sempre oro a Deus é para eu não ser apegado a nenhum bem material, por isso doei o Mercedes. A Bíblia diz que devemos imitar a fé dos pastores, portanto tudo o que Deus vai fazer nessa igreja virá por meio dos membros. Debaixo dessa palavra profética, prepare-se para o que Deus vai realizar em nosso meio, conforme a nossa fé” comentou o pastor Silas.    

veja também