Diretor conta como foi construído o buraco em que José é jogado pelos irmãos

Diretor conta como foi construído o buraco em que José é jogado pelos irmãos

Atualizado: Terça-feira, 12 Março de 2013 as 8

 

No último episódio de 'José do Egito', o protagonista foi jogado pelos irmãos em um buraco.
 
De lá só foi tirado com uma corda para ser vendido como escravo.
 
O cenário do buraco foi de grande importância para a produção da cena.
 
Daniel Clabunde, diretor de cenografia da minissérie, conta como foi o processo de montagem.
 
"É um processo difícil de ser feito, porque o objetivo maior da cenografia, além de transmitir a mensagem que o texto pede, é buscar realidade. Não é todo tempo que nós montamos cavernas, grutas ou buracos. Mas já tivemos uma experiência em Rei Davi. Na época, nós fomos até Diamantina, em Minas Gerais, onde as cenas foram rodadas. Como a caverna da Allat tinha muitas sequências, nos foi solicitado uma caverna cenográfica no RecNov", conta.
 
josé
 
Rochas, terra e calcário foram colhidas como referência na simulação do material.
 
"A montagem seguiu o padrão da estrutura de madeira e colocamos blocos grandes de isopor para dar o formato. Nós revestimos esse isopor com uma mistura de fibra de vidro e aplicamos um preparado químico (uma massa maleável) para dar o aspecto de rocha. Depois que essa massa seca, nós ainda esculpimos para finalizar o formato", explica Daniel.
 
"Assim como em Davi, nós trabalhamos sempre em conjunto com o diretor de fotografia, que vai projetar a luz para realçar texturas, formatos, etc. Em José do Egito, nós estamos trabalhando com um buraco, e não com uma caverna. Então a entrada de luz é a óbvia, por cima. A experiência com a caverna de Allat nos deu base, e nós completamos com pesquisa em livros, na internet, em depoimentos de pessoas que já entraram em lugares assim", completa.
 
Para carregar a cena de dramacidade e dar ainda mais grandiosidade, a equipe aumentou o buraco de 5 para 7 metros a pedido de Alexandre Avancini.
 
 
com informações do R7
 

veja também