Dormindo com rãs: A procrastinação nossa de cada dia

Dormindo com rãs: A procrastinação nossa de cada dia

Atualizado: Sexta-feira, 29 Outubro de 2010 as 11:39

"E Faraó chamou a Moisés e a Arão e disse: Rogai ao Senhor que tire as rãs de mim e do meu povo; depois deixarei ir o povo, para que sacrifiquem ao Senhor. E Moisés disse a Faraó: Tu tenhas glórias sobre mim. Quando orarei por ti e pelos teus servos, e por teu povo, para tirar as rãs de ti e das tuas casas, de sorte que somente fiquem no rio? E ele disse: Amanhã. E Moisés disse: Seja conforme a tua palavra, para que saibas que ninguém há como o Senhor, nosso Deus ". (Ex 8: 8- 10)

Quem pensa que "empurrar com a barriga" é uma característica típica e exclusiva dos brasileiros está enganado: a procrastinação - hábito de adiar tarefas - é mundial, tanto que é objeto de estudo de um grupo de pesquisa de Carleton (Canadá) e tema de vários livros nos EUA. Afinal, de acordo com os especialistas, todas as pessoas, sem exceção, procrastinam. O que varia é a freqüência com que fazem isso.

Deixar para depois não é sinal de que a preguiça ou a irresponsabilidade impera. Aquele que procrastina prioriza coisas menos importantes em vez de direcionar suas ações para aquilo que seria mais necessário realizar. O indivíduo coloca diversas tarefas menores, menos relevantes na frente.

Mais do que uma questão de má administração do tempo, o ato de procrastinar faz a pessoa viver a ilusão de que, adiando, tudo será solucionado como num passe de mágica.

O adiamento pode proporcionar um alívio temporário, uma sensação de tranqüilidade, porque a pessoa crê que tudo dará certo no final. A pessoa que procrastina não se relaciona bem com o real. A realidade assusta. Com medo, o indivíduo vira uma espécie de “avestruz”: enfia a cabeça na terra com a esperança de que a realidade mude.

Sabemos, pelas Escrituras, que quando o Senhor determinou tirar o povo de Israel do cativeiro no Egito, enviou Moisés para interceder junto a Faraó, não apenas "com palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração do Espírito e de poder" (1 Co 2: 4). Para isso, multiplicou na terra do Egito os seus sinais e maravilhas, para que toda aquela terra soubesse que só o Senhor é Deus. Foram enviadas dez pragas.

No Egito antigo, as rãs representavam deuses e, por isso, eram sagradas. O Senhor, através da praga das rãs (segunda praga), estava abatendo os deuses do Egito, a fim de demonstrar que seu poder era ilimitado ante a todos os poderes mágicos daquela nação movida por misticismo.

Quando Faraó se viu apertado pelas rãs, que infestavam todos os lugares e subiam sobre todas as pessoas, pediu a Moisés que rogasse a Deus, para que o Egito ficasse livre de tamanha aflição. Mas, para nosso espanto, e creio eu até do próprio Moisés, adiou o dia do livramento. Ao ser perguntado quando queria que isso ocorresse, disse: AMANHÃ!

O Egito poderia ter se livrado imediatamente daquela praga. Moisés orou como Faraó o havia pedido, e o Egito ficou livre daquele sofrimento no dia seguinte. Todos no Egito dormiram com as rãs, devido à procrastinação de Faraó, que adiou algo importante que deveria ter sido feito logo, mas foi "empurrado com a barriga".

Quantas vezes adiamos decisões importantes por insegurança ou mesmo indolência. Levamos essas atitudes para a vida espiritual, e conseqüentemente, adiamos os planos de Deus a nosso respeito. Agimos como Renato Russo cantava em sua música "Tempo Perdido":

"Todos os dias quando acordo não tenho mais o tempo que passou, mas tenho muito tempo; temos todo o tempo do mundo".

Nós conhecemos um pouco da história desse talentoso cantor e compositor de pop rock brasileiro: Faleceu vitimado pelo vírus HIV, ainda jovem. Não desfrutou de "todo o tempo do mundo" que defendia em sua música.

Superar a procrastinação é possível. Para isso propomos sete passos, que longe de querer ser  "receita de bolo",  busca ser uma motivação a mais para aqueles que querem aprender a aproveitar seu tempo com qualidade.

7 PASSOS PARA SUPERAR A PROCRASTINAÇÃO:

1-Reconheça que há mais dor em procrastinar do que em fazer o que tem de ser feito.

Você procrastina para evitar fazer algo aborrecido, difícil, complicado, estranho, novo, diferente. E procrastina essencialmente para evitar essa dor. Quando já tiver alguma experiência com a procrastinação vai provavelmente perceber que a procrastinação causa muito mais dor do que fazer realmente o que precisa ser feito. Compreender a verdadeira quantidade de dor das suas escolhas fará com que mais facilmente supere a procrastinação.

2- Force-se a fazer o que precisa ser feito antes da urgência surgir...

...a sua auto-estima irá disparar. Da próxima vez que se sentir tentado a procrastinar lembre-se, foi você que se forçou, mas que se sentiu melhor quando deu por terminada a tarefa. Lembre-se da fantástica recompensa que teve quando terminou. Quando se sentir tentado lembre-se disto de forma a seguir em frente.

3- Crie um fluxo

Em vez de não fazer nada, comece a fazer qualquer coisa. Limpe a sua secretária eletrônica, remova o lixo, lave os pratos. Basta executar um conjunto de pequenas e simples tarefas para criar um fluxo positivo. Quando está num fluxo que o faz mover, começar o que tem realmente de fazer será muito mais fácil.

4- Adquira alguma alavancagem

Se está pensando em mudar de emprego, carreira ou em dar o próximo passo num relacionamento, está provavelmente focado nas coisas que podem correr mal. Tente em vez disso criar alguma alavancagem que o impulsione ou empurre para a frente. Aponte todas as coisas que se lembre que irá deixar de ter (não só agora, mas também no futuro) caso não dê esse passo AGORA. Procure dentro de si e sinta a dor que irá ter, não só agora mas nos próximos anos quando pensar que a mudança esteve nas suas mãos e que bastaria um simples passo.

5- Como comer um elefante? Uma dentada de cada vez...

Não olhe para "o todo" do que tem de fazer. Uma das formas mais comuns de procrastinação é quando nos sentimos esmagados pela quantidade de coisas que temos para fazer. Tente separar aquilo que tem de fazer em pequenas tarefas.

6- Mude as suas crenças

Os problemas que o colocaram repetidamente num estado de procrastinação podem desaparecer se mudar a sua visão da realidade. Examine as suas crenças. Pergunte-se se poderia ver as coisas de forma mais benéfica e eficaz para si.

7- Faça um pequeno negócio consigo mesmo

Pode fazer assim: Prometa a si mesmo que trabalhará em algo por apenas 5 minutos. Depois daqueles 5 minutos pode ir fazer outra coisa qualquer, se quiser. Mas coloque uma nota na sua agenda de quando é que voltará à tarefa e trabalhará outros 5 minutos nela. Como notas de felicidade, não importa quanto desagradável uma tarefa possa parecer, você pode convencer-se frequentemente em trabalhar mais 5 minutos nela.

Não se esqueça: Adiar compromissos traz alívio apenas temporário.

Mônica Valentim  

Mônica Valentim   é pedagoga, com expecialização em Orientação Educacional e Profissional; pós- graduada em Psicomotricidade. Possui especialização em Modificabilidade Cognitiva PEI- Nível I, Jerusalém, Israel. Bacharela  

veja também