Editora adventista vai produzir versão da Bíblia em espanhol

Editora adventista vai produzir versão da Bíblia em espanhol

Atualizado: Terça-feira, 21 Setembro de 2010 as 11:38

Uma versão traduzida e adaptada da Bíblia de Estudos Andrews, em espanhol, é um dos projetos que começará a desenvolver a Asociación Casa Editora Sudamericana (ACES), localizada em Buenos Aires, na Argentina, em breve. Segundo o gerente geral, pastor Arbin Lust, disse à reportagem da Agência Adventista Sul-Americana de Notícias (ASN), será a primeira produzida em espanhol pela Igreja Adventista do Sétimo Dia e provavelmente terá parceria com a editora irmã que atende a América Central.

  Outras novidades para os próximos meses incluem lançamentos de um livro sobre família com o título “Casaria de novo comigo?”, entre outras obras na área educacional voltadas a jovens e crianças. Foi criada uma área específica na editora chamada Educaces focada para desenvolvimento de produtos nesta faixa etária que hoje já responde por cerca de 30% dos títulos da ACES.

A editora localizada na Argentina atende a sete países de fala castelhana e possui, em seu catálogo, aproximadamente 700 diferentes títulos. Entre eles o livro Ainda Existe Esperança, de autoria do pastor aposentado Enrique Chaij, que será distribuído de maneira massiva em 2011 pelos adventistas em oito países sul-americanos. Pelo menos três milhões de exemplares deverão ser impressos pela ACES deste livro que apresenta doutrinas bíblicas em meio ao relato da vida de Jesus Cristo com uma linguagem acessível e interessante.

Perguntado sobre o livro digital que já começa a ser realidade em várias partes do mundo, o pastor Lust diz que realmente tudo indica que o e-book e até mesmo o áudio-book deverão crescer ainda mais, por isso a editora já iniciou estudos a respeito da viabilidade de ter, no futuro, este tipo de produto, inclusive para evangelização. Ele pontua, no entanto, que algumas questões sobre direitos autorais entre outros aspectos precisam ser, ainda, analisados.  “Já observamos em outras editoras, inclusive, adventistas, o que se pensa em desenvolver nesta área”, comenta.

Fundada em março de 1904, a editora adventista para o idioma castelhano passou de uma humilde casa com uma prensa para uma empresa reconhecida, na Argentina, como uma das cinco mais lembradas pela população no segmento. Possui atualmente 182 funcionários e consome, anualmente, quase quatro mil toneladas de papel.  

veja também