Escândalo político envolve igrejas no Rio de Janeiro

Escândalo político envolve igrejas no Rio de Janeiro

Atualizado: Segunda-feira, 31 Janeiro de 2011 as 10:55

A prefeita de São Gonçalo, município do Rio de Janeiro,  Aparecida Panisset, acaba de ver seu nome envolvida em um escândalo. Ela teria realizado um desvio de dinheiro dos cofres públicos da prefeitura e o teria feito com o auxílio de duas igrejas evangélicas.

Aparecida, que se declara evangélica, teria firmado com duas igrejas da cidade, convênios iniciados em outubro de 2005 e junho de 2006 com duração de um ano. As igrejas receberiam R$25 mil mensais para prestar serviços médicos, assistenciais e cursos profissionalizantes para a comunidade.

Diante das evidências, a prefeita, as igrejas e mais três pessoas foram denunciadas pelo Procurador-Geral de Justiça do Rio de Janeiro, Cláudio Lopes. Segundo a denúncia, a soma desviada seria de aproximadamente R$600 mil. Este dinheiro poderá retornar aos cofres públicos no caso de uma condenação.

veja também