Escatologia Errante

Escatologia Errante

Atualizado: Segunda-feira, 10 Janeiro de 2011 as 2:08

G eralmente relacionamos ano novo com sonhos, planos, projetos… Planeja-se viagens, filhos, aquisição de bens, e com isto contempla-se a continuidade da vida e a expectativa de dias melhores. Como alguns efusivamente afirmam, o melhor de Deus ainda está por vir!

C omo desejar um Feliz Ano Novo se ele não vai durar nem 6 meses? É isto, o ano de 2011 vai durar apenas 4 meses e 21 dias, nada mais, nada menos. Segundo tem divulgado um grupo dos EUA, o arrebatamento da igreja acontecerá exatamente no dia 21 de maio… O fim do mundo propriamente dito acontecerá 6 meses depois, no dia 21 de outubro!

C umpre antes de mais nada admitir que escatologia é terreno complexo e de conclusão fugidia. Quem está certo? Entretanto, ainda que se admita as dificuldades às vezes até mesmo obscuras da disciplina, uma exegese mais amadurecida e acurada não permite os disparates como aqueles que os mestres da escatologia errante vez por outra alardeiam por aí, afirmando que o fim está às portas com dia e hora marcados.

E m 2009 foram distribuidos em São Paulo panfletos que anunciavam o fim dos tempos com data precisa, exatamente como já aconteceu em outros  momentos da história quando seitas cristãs ousaram publicar o resultado de suas especulações escatológicas marcando data para o retorno de Jesus e eventual fim do mundo.  O panfleto citado acima declara:

“N o ano de 2011 d.C. serão exatamente 7000 depois do dilúvio de Noé. Será o fim do período de tempo dado ao homem para encontrar a graça de Deus. Isto significa que o tempo para encontrar refúgio em Cristo tem se tornado muito curto. Não nos resta muito tempo até o ano de 2011… sabemos que o ano de 2011 é o ano em que se completará 7000 anos depois do dilúvio. E tambem sabemos que Deus vai destruir o mundo nesse ano. Mas quando vai ocorrer em 2011; Dizemos anteriormente que a era da igreja chegou ao fim em 1988 d.C…”

A inda que os nossos tempos sejam tempos de grande apostasia e os sinais nos deixem em estado de alerta, temos visto através da história vários grupos religiosos “agendando” o fim do mundo para essa ou aquela data, causando transtorno e decepção a muitos.

G rupos religiosos como Adventistas, Testemunhas de Jeová, para citar os mais conhecidos, nasceram de interpretações escatológicas errôneas e sustentaram o seu engano por muito tempo… Um desses grupos, os chamados Davidianos, protagonizou uma cena que ainda hoje nos deixa perplexos. Considerado um dos maiores dissidentes da igreja Adventista do Sétimo Dia, os Davidianos ficaram famosos pela revolta de 1993 no seu complexo Waco, no Texas, EUA, que acabou com a vida de 76 pessoas. O evento resultou no desaparecimento da seita, que acreditava no apocalipse iminente.

D evemos estar preparados para o retorno de Jesus, mas não precisamos nos deixar impressionar ou amedrontar pelas predições de escatologistas errantes que insistem em contrariar as palavras do próprio Senhor Jesus que, quando questionado acerca de sua volta e consequente restauração de Israel, disse: “NÃO VOS COMPETE CONHECER TEMPOS OU ÉPOCAS QUE O PAI RESERVOU PELA SUA EXCLUSIVA AUTORIDADE.” (atos 1.7)

Luiz C. Leite   é pastor, psicanalista, administrador de empresas, conferencista e escritor. Autor de "O poder do foco", editora Memorial; e "A inteligência do Evangelho", editora Naós; além de vários títulos por publicar.

- Clique no link para ver o vídeo do livro "O PODER DO FOCO"

- Clique no link para ver vídeo do livro "A INTELIGÊNCIA DO EVANGELHO"

Confira o blog do escritor:   http://luizvcc.wordpress.com/

veja também