Esposa de Edir Macedo é homenageada por mulheres na África

Esposa de Edir Macedo é homenageada por mulheres na África

Atualizado: Terça-feira, 15 Março de 2011 as 10:14

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) mantém, desde 2009, um grupo chamado Sisterhood, que tem como integrantes jovens entre 14 e 30 anos. Elas recebem ensinamentos espirituais, com o objetivo de formar meninas e mulheres de Deus exemplares.

Recentemente, em Joanesburgo, na África, integrantes do grupo realizaram a premiação anual das jovens que se destacaram durante todo o ano. O evento foi marcado por uma homenagem à escritora Ester Bezerra , pelo exemplo e trajetória de esposa, mãe e mulher, que desempenha ao lado do marido e fundador da IURD, bispo Edir Macedo.

A responsável pelo grupo Sisterhood no país, a big sister Donna Onwubiko, em discurso, agradeceu pela diferença que a escritora faz na vida de tantas mulheres, através do seu exemplo de vida.

A filha, Cristiane Cardoso, reconheceu a importância da mãe na vida dela e das outras pessoas, por meio de uma homenagem em seu blog:

“Minha mãe é o tipo de mulher que adora apreciar. Ela aprecia o meu pai, minha irmã, meu irmão e eu, seus filhos de lei, o neto, nossos amigos, nosso trabalho, nosso tempo, nossos olhares, nossas casas, nossas agendas, nossos sonhos e nossa fé. Ela ama comprar nossas roupas e dizer  'eu te amo, você é linda'”.

Cristiane Cardoso, idealizadora do projeto Sisterhood, tem desempenhado um papel importante na vida de muitas meninas em todo o mundo, resgatando a essência feminina em cada uma delas.

A jovem Rebeca Rocha recebeu ensinamentos e orientações, alcançando a mudança de vida. “Quando olho para trás e lembro-me de como eu era, fico chocada. Eu tinha fé e boa intenção no meu coração, mas me faltava a instrução e a disciplina. Hoje me sinto diferente e abençoada”, relata.

O projeto também visa formar crianças de 3 a 12 anos  em meninas de Deus exemplares. No Pré-sisterhood (foto abaixo), as pequenas aprendem a realizar tarefas diárias, como ajudar os pais nos afazeres domésticos e estudar,  sempre colocando Deus como prioridade na vida delas.

Cristiane explica o motivo pelo qual decidiu criar o grupo: "Diante de tantas mensagens conflitantes que as crianças recebem no dia a dia,  principalmente através de programas de tevê, o grupo Pré-sisterhood ensina como essas meninas podem se tornar mulheres de fé, de uma maneira divertida, por meio de tarefas simples, que proporcionam disciplina,  educação, respeito e espiritualidade."  

veja também