Estado Americano endurece lei contra o aborto

Estado Americano endurece lei contra o aborto

Atualizado: Segunda-feira, 25 Outubro de 2010 as 8:47

Câmara de Examinadores Médicos de Nova Jersey (EUA) suspendeu a licença de Brigham Young para realizar abortos, de acordo com a Associated Press. O conselho de Nova Jersey agiu depois de ter flagrado Brigham iniciando os abortos em sua clínica em Voorhees e terminando em Maryland, informou a AP.

Por muitos anos, Brigham iniciava os procedimentos do aborto em Nova Jersey e depois enviava as mulheres para uma de suas clínicas na Pensilvânia para completá-los. "Dr. Brigham estava constantemente envolvido para burlar as exigências da resolução do conselho de regulamentação da gravidez a fim de beneficiar pacientes de luxo", afirma AP.

Brigham tem uma longa história de confrontos com as autoridades estaduais, segundo o inquérito. Ele teve sua licença médica rescindida ou suspensa temporariamente em cinco estados durante os últimos 18 anos. Ele opera em 15 clínicas de aborto, em Maryland, Nova Jersey, Pensilvânia e Virgínia.

A polícia iniciou uma investigação na clínica de Brigham Young, em sua cidade depois que uma mulher se feriu durante um aborto e não apresentou queixa. Uma batida policial na clínica Maryland descobriram bebês de até 36 semanas de gestação congelados.

veja também