Estevam Hernandes ministra sobre como atravessar o deserto

Estevam Hernandes ministra sobre como atravessar o deserto

Atualizado: Quinta-feira, 10 Março de 2011 as 11:23

Nesta quarta-feira, 09 de março, durante a Noite de Poder, o apóstolo Estevam Hernandes ministrou o povo sobre como não ser roubado em sua promessa e aprender a esperar no Senhor. “O apóstolo Paulo nos fala alguns segredos espirituais profundos e nós devemos entendê-los. Temos que ouvir o que o Espírito diz às Igrejas. Em 2º Corínthios, Paulo fala daquele povo no deserto que, embora estivesse na lei, não foi desamparado. Nossa precipitação na caminhada nos tira do plano de Deus... Isso tem destruído o que Deus planeja fazer nas nossas vidas”, afirmou o apóstolo.

Ele disse também que até nossa oração e o nosso comportamento é ansioso. “Temos um relacionamento com Deus deformado, as pessoas cobram a vontade delas como se fosse a vontade de Deus. Mas Ele realiza no seu tempo, conforme sua vontade e soberania. Se o seu coração é ansioso, isso vai te descaracterizar como servo de Deus”, disse ele.

“Aquele no deserto povo teve acesso às misericórdias do Senhor. Deus mostrou a eles uma Pedra no caminho e Paulo fala que aquela Pedra era Cristo. Tudo o que você precisa para passar as adversidades, Deus já te deu: Jesus. Você é alimentado pelo Corpo de Cristo e bebe da água da vida. Aquele povo no deserto vivia debaixo da misericórdia, mas se entregaram à idolaria, rebeldia e prostuição carnal”, afirmou.

O apóstolo Estevam alertou ainda para que não idolatremos nossos problemas. “Tem gente que idolatra o problema. Você tem que adorar a Deus, confiar em Deus e entregar sua luta nas mãos dEle. Não se torne idólatra! Tem gente que idolatra pessoas também. A idolatria humana fere a santidade de Deus. Temos um único Senhor e Salvador que é Jesus. Pense: eu é que preciso ser mudado! Você tem que vencer a idolatria! O importante é: permanecer crendo a despeito de qualquer situação que você passe.”

Ele deu alguns conselhos para seguir em frente e não ficar parado no deserto: não murmurar, orar mais e resistir ao diabo.

“Não murmure. Sua boca é profética e ela precisa se encher de boas palavras. Aquele povo morreu no deserto porque murmurava. Você tem que andar, sentir e viver pela fé!”.

“O servo de Deus tem que entender que pode todas as coisas em Deus que o abençoa. Basta você confiar totalmente nele. Mas a sua murmuração mata o que Deus tem para fazer. Uma simples murmuração é o que Satanás precisa para te fazer voltar para o fim da fila... Aprenda a agradecer e a esperar no Senhor... Quando Deus dá a provação, Ele já proveu um escape.”

“Não olhe para trás, siga em frente. Não desista. Continue a cavar seu poço, ele vai dar em água. Não desista de buscar em Deus, conquiste! Profetize seu milagre, tome posse do seu milagre... Celebre aquilo que está no seu espírito. Josué e Calebe tinham o milagre dentro de si e já estavam celebrando. Mude seu vocabulário, quebre todo negativismo, não espere evidências! Celebre o seu testemunho!”

veja também