Estudante do Unasp lança livro na Bienal

Estudante do Unasp lança livro na Bienal

Atualizado: Sexta-feira, 27 Agosto de 2010 as 1:04

Emanuel Dundão, ou Kiama, como assina suas poesias, nasceu em Luanda, Angola. Foi seminarista, estudou Filosofia, cursa Direito e Administração de Empresas no Unasp, Campus Engenheiro Coelho, e aos 23 anos lança seu primeiro livro de poesias “Ecos D’Angola”. O lançamento do livro aconteceu na 21ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. A obra é composta por 63 poesias divididas em sete temas que tratam da Angola do passado, do presente e do que se almeja para o futuro.

No primeiro capítulo, “A Pátria do Futuro”, as poesias falam do sonho de uma nova Angola. Um país de paz, amor, amizade e progresso. No capítulo “Solidariedade”, Kiama espera que as poesias reunidas ali despertem nos leitores um olhar mais atencioso ao próximo, às necessidades do outro. “O que seria do mundo sem solidariedade?”, questiona Kiama. As poesias nos demais capítulos falam sobre amor, religiosidade, homenagens e filosofia. O último capítulo, denominado “Ecos”, traz poesias variadas sobre Angola, como a poesia intitulada “Carta à Mãe Angola”, que é literalmente uma mensagem de contextualização e conforto do autor a todas as mães angolanas que sofrem com a saudade de ter seus filhos longe da terra natal.

O gosto pela escrita já existia em Kiama desde os 14 anos, mas o livro “Ecos D’Angola” começou a tomar forma a partir de 2006. O objetivo do autor é que em toda a poesia se possa conhecer um pouco mais sobre Angola e tirar algo de solidário, fraterno e cristão. “Almejo que o leitor do Ecos D’Angola saiba que Angola de ontem, palco de uma prolongada guerra civil, já não é Angola de hoje, recinto de desenvolvimento e progresso. Almejo que o leitor deixe brotar o sentimento e ação de solidariedade para com o próximo e que ao ler as poesias religiosas da mesma obra, se prepare para o segundo advento do Messias, um dos melhores e mais esperados momentos do cristianismo", deseja Kiama.

50% do lucro das vendas dos livros “Ecos D’Angola” será revertido em produtos de primeira necessidade, brinquedos e Bíblias infantis, que serão enviados para um orfanato em Angola. Para ter mais informações sobre o livro ou formas de adquirir a obra, acesse http://www.editorainhouse.com.br/  

veja também