Eu não sei, mas sei quem sabe

Eu não sei, mas sei quem sabe

Atualizado: Quinta-feira, 16 Maio de 2013 as 12:10

 

ajuda“Ele é o Cordeiro de Deus”
João 1
 
Sobre João Batista repousava a expectativa de que ele fosse alguém especial, capaz de dar respostas e resolver problemas, de trazer uma mensagem esclarecedora e até de operar milagres.
 
Aqueles que se tornam fonte de tais expectativas, acabam acreditando que são responsáveis por cuidar de todos, evitar sofrimento e resolver todos os conflitos. O resultado é frustração, estresse, sentimento de impotência. Vivem a síndrome do cuidador compulsivo.
 
O caminho da liberdade é poder dizer que não sabe, que não pode e avisar a todos os que nutrem tais expectativas que é Jesus quem sabe e pode tudo. No fim, ajudamos aos outros e nos libertamos de um peso sobre-humano quando simplesmente temos coragem de apenas mostrar a direção.
 
 
- Alexandre Robles
 

veja também