Evangélico é assassinado após deixar casa da noiva

Evangélico é assassinado após deixar casa da noiva

Atualizado: Quarta-feira, 2 Junho de 2010 as 9:57

Um rapaz, descrito como evangélico e funcionário da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), foi assassinado a tiros durante a madrugada de ontem, no bairro de Dois Unidos, no Recife. Cláudio José de Moraes Filho, de 22 anos, voltava para casa quando foi surpreendido pelos disparos. Ele caiu morto na avenida Chagas Ferreira, na entrada do Córrego do Curió. A vítima residia no imóvel número 800 do mesmo endereço. De acordo com a polícia, o crime ocorreu por volta de 0h10.

Após ouvirem o barulho dos disparos, populares acionaram a Polícia Militar até o local. A guarnição realizou o isolamento do corpo e ouviu as primeiras informações. "A mãe da vítima disse que ele vinha da casa da noiva quando foi baleado. Pessoas da comunidade informaram que dois homens apareceram de moto, olharam para a vítima e efetuaram os disparos. Cerca de quatro tiros foram ouvidos", relatou o soldado Antônio Rocha, do 11° Batalhão. Enquanto aguardavam a chegada da Polícia Civil, os militares ouviram várias vezes o celular de Cláudio tocar. "Era a noiva dele, provavelmente querendo saber se ele já havia chegado em casa. Eles iam casar no final do ano, e ela não soube do crime, pois o celular estava bloqueado e não foi possível atender", completou o policial.

A perícia do Instituto de Criminalística (IC) contabilizou três perfurações, todas na cabeça. Cláudio vestia camisa, calça e sapatos sociais, e teria saído da universidade onde trabalhava para encontrar a noiva. Em seguida, deixou-a em casa e foi morto por desconhecidos. Com base nessas informações, policiais civis da Força Tarefa da Capital do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) deram início às investigações. "Ainda não existe uma linha definida, pois não temos muitas informações. Aparentemente, trata-se de uma pessoa trabalhadora, mas vamos prosseguir com as diligências", resumiu o comissário Edson Bartolomeu. O corpo da vítima foi recolhido para o Instituto de Medicina Legal.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também