Evangélicos se unem para retirar termo católico de bandeira em Sidrolândia

Evangélicos se unem para retirar termo católico de bandeira em Sidrolândia

Atualizado: Quinta-feira, 10 Fevereiro de 2011 as 1:45

A Defensoria Pública do Mato Grosso do Sul elabora uma ação judicial para que Sidrolância tire de sua bandeira a inscrição “Ave Maria”. A cidade foi fundada há 70 anos, tem 42 mil habitantes e fica a 71 km de Campo Grande.

Pelo menos cem pessoas – evangélicas na maioria – assinaram um abaixo-assinado pedindo a supressão da referência a uma das principais orações dos católicos.

Entre elas está o pastor Adilson Machado de Souza. Ele disse que a inscrição é inconstitucional porque desrespeita a liberdade religiosa ao favorecer uma única religião, a católica.

Afirmou que mora em Sidrolândia há 23 anos e só em 2009 percebeu que na bandeira havia o nome da mãe de Jesus. “Como cidadão, entrei com uma ação judicial contra a prefeitura”, disse. Mas a prefeitura e a Câmara mantiveram a inscrição. 

Não há informação sobre quando a bandeira passou a ter a inscrição, que não existia na época do decreto que deu a Sidrolândia o status de cidade.

Com informação do Campo Grande News

veja também