Evento cultural gospel marca aniversário de Rondonópolis - MT

Evento cultural gospel marca aniversário de Rondonópolis - MT

Atualizado: Terça-feira, 14 Dezembro de 2010 as 8:11

Uma das festividades alusivas ao aniversário de 57 anos de emancipação política de Rondonópolis, nesta sexta-feira (10/12), foi a realização de um evento cultural gospel na feira livre de Vila Operária. A banda Opus Dei, do Rio Grande do Sul, e cantores regionais levaram aos presentes uma mensagem de paz e de encontro com Deus, através do louvor. A alegria tomou conta do espaço.

Mesmo com a forte chuva no começo da noite, o público que compareceu ao evento foi considerado positivo pela organização. A banda Opus Dei percorre todo o Brasil e esteve, nesta ocasião, pela primeira vez no estado de Mato Grosso. No repertório, os integrantes levaram hinos de adoração, principalmente com ritmos animados da música gaúcha. Segundo a organização, o ritmo agradou maior parte do público, formado principalmente por jovens.

O vereador Cido Silva enfatizou ao Jornal A TRIBUNA que o show realizado nesta sexta-feira é resultado de um projeto de lei da sua autoria, que estabelece a realização de um evento cultural gospel em todo aniversário de emancipação política da cidade. Inclusive, observou que o prefeito Zé Carlos do Pátio se comprometeu em garantir apoio à iniciativa. Nesse sentido, além da ajuda, mais uma vez, o prefeito marcou presença na noite do show.

Além da forte presença da juventude, também chamou a atenção a grande participação de pastores no sorteio de 10 microfones e um teclado da marca Yamaha para as suas congregações. Conforme Cido Silva, o sorteio dos equipamentos é uma forma de interação e atende a necessidade das congregações. Para o público presente, dez bicicletas com marchas foram sorteadas. A entrega ocorreu na mesma noite.

Cido Silva externou à reportagem, a mensagem deixada à juventude: de alerta quanto à marginalidade e drogas, as quais têm afligido grandemente a sociedade. Nesse sentido, pastores e cantores repassaram a necessidade de chegar a Deus e afastar das seduções do mundo, assim como a necessidade e casais e famílias estarem mais unidos, haja vista a família ser o esteio da nação.

“Só perdeu quem não foi, mas deixo o convite para a próxima edição”, repassou. “É para todo o público. É um evento que vem beneficiar a cidade, independente da religião”, esclareceu. Para o próximo ano, a organização promete um evento maior, com repercussão regional, contando com atração nacional / internacional de destaque no meio evangélico.

veja também