Evento lembra os 60 anos do movimento Diretriz Evangélica

Evento lembra os 60 anos do movimento Diretriz Evangélica

Atualizado: Quinta-feira, 25 Junho de 2009 as 12

A celebração de culto de ação de graças na terça-feira, 16 de junho, comemorou os 60 anos do Movimento Diretriz Evangélica, que enfatizou a interpelação da mensagem cristã diante da sociedade brasileira. Realizado na capela do Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil, na Tijuca, após uma mesa de debates, o evento reuniu lideranças evangélicas.

O culto teve a participação de grupos vocais e instrumentais, além da congregação que cantou hinos surgidos sob a inspiração dos congressos, publicações, colunas em jornais, e pela participação de jovens intelectuais neste movimento, especialmente de 1949 a 1964.

O grande homeageado foi David Malta Nascimento, reitor emérito do Seminário, pastor emérito da Igreja Batista de Barão da Taquara, e que completou 90 anos recentemente. Ele recebeu uma Bíblia das mãos do pastor Iomael Santana e ouviu um relato histórico do movimento do pastor Silvino Neto, em forma de poema.

A pregação foi proferida pelo pastor Carlos César Novaes, que mencionou as dificuldades enfrentadas por pastores que debatiam questões sociais, especialmente na ditadura militar. Ao pregar no sepultamento de Lutero, lembrou o pregador, Filipe Melanchton destacou os melhores portadores da mensagem do evangelho: o profeta Isaías, Jesus Cristo, o apóstolo Paulo, Agostinho de Hipona e o reformador alemão.

Transmitido ao vivo pela internet, o evento foi promovido pelo núcleo carioca da Fraternidade Teológica Latino-Americana (FTL-RJ), com apoio da Rede Nacional de Serviço Social (Renas) e do Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil.

veja também