Ex-deputado critica esculturas "cavalo do cão" na PB

Ex-deputado critica esculturas "cavalo do cão" na PB

Atualizado: Sexta-feira, 26 Março de 2010 as 12

No title Via twitter, o ex-deputado federal Walter Brito Neto repudiou as esculturas de "cavalo do cão" espalhadas pelas principais confluências de João Pessoa (PB). Ele disse ainda que RC como todo bom ateu e obstinado, teria feito um pacto metafísico com uma mãe de santo baiana. "Depois do porteiro do inferno, só faltava essa agora de espalhar estátuas do ‘cavalo do cão’ pela cidade. Precisamos falar menos de moralidade e encarar seriamente o pecado, essa força que tem dominado o mundo", desabafou.

Ainda segundo as postagens no twitter, o ex-deputado Walter Brito Neto disse que todo esse trabalho de Ricardo Coutinho visa fechar o corpo seu corpo e dos Colégios Eleitorais do Estado em seu favor. "Sete esculturas foram instaladas na Capital por recomendação de uma mãe de santo. Ele acredita que existem essas coisas de fechar o corpo? Que Deus tenha misericórdia da sua vida", disse.

Walter Brito Neto complementou afirmando que Ricardo Coutinho mandou fazer sete esculturas metálicas e estão instaladas em pontos estratégicos da cidade. "São estátuas, tipo portais. E como todos sabem o número 7 é cabalístico. Trata-se de cavalos alados fixados ao chão como se fossem guardiões de uma fortaleza medieval. Acho que isso não tem agradado a população católica e evangélica da Paraíba", finalizou.

Por Simone Duarte

veja também