Ex-foragido entrega-se à Justiça após conversão ao evangelho

Ex-foragido entrega-se à Justiça após conversão ao evangelho

Atualizado: Terça-feira, 28 Setembro de 2010 as 3:49

Em abril deste ano, o morador de rua, Paulo Lourenço da Rocha, foi recebido no projeto Reciclando Vidas, ação desenvolvida por comerciantes do ramo de sucata em parceria com o Alcance Social (agência de projetos Sociais da Igreja Batista Central de Fortaleza - IBC).

Acompanhado da esposa Jack, Paulo pediu ajuda ao coordenador do projeto, Daniel Abreu, que não só providenciou cuidados materiais, como apresentou o Evangelho de Jesus ao casal e ensinou os princípios bíblicos de restauração.

Segundo relatos da esposa de Daniel, Ritázia Freitas, o ex-morador de rua, após sua conversão, confessou ser foragido e manifestou o desejo de voltar para a cadeia, "pois ele disse que com Jesus se sentiria seguro em qualquer lugar", conta Ritázia.

Ciente das reparações que precisa fazer à sociedade, Paulo, entregou-se à Justiça. "Hoje Paulo se encontra no I.P.P.O.1 sendo cuidado por Jesus e por outros irmãos da fé. Jack,esposa de Paulo, está sob nossos cuidados, enquanto aguardamos o retorno de Paulo", relata Ritázia. "É um privilegio para nós, participar da restauração de catadores de lixo e moradores de rua de Fortaleza", comemora.

Por Denise Marçal

Em abril deste ano, o morador de rua, Paulo Lourenço da Rocha, foi recebido no projeto Reciclando Vidas, ação desenvolvida por comerciantes do ramo de sucata em parceria com o Alcance Social (agência de projetos Sociais da Igreja Batista Central de Fortaleza - IBC).

Acompanhado da esposa Jack, Paulo pediu ajuda ao coordenador do projeto, Daniel Abreu, que não só providenciou cuidados materiais, como apresentou o Evangelho de Jesus ao casal e ensinou os princípios bíblicos de restauração.

Segundo relatos da esposa de Daniel, Ritázia Freitas, o ex-morador de rua, após sua conversão, confessou ser foragido e manifestou o desejo de voltar para a cadeia, "pois ele disse que com Jesus se sentiria seguro em qualquer lugar", conta Ritázia.

Ciente das reparações que precisa fazer à sociedade, Paulo, entregou-se à Justiça. "Hoje Paulo se encontra no I.P.P.O.1 sendo cuidado por Jesus e por outros irmãos da fé. Jack,esposa de Paulo, está sob nossos cuidados, enquanto aguardamos o retorno de Paulo", relata Ritázia. "É um privilegio para nós, participar da restauração de catadores de lixo e moradores de rua de Fortaleza", comemora.

Por Denise Marçal

veja também