Ex-morador de rua, ator de Hollywood diz que venceu as dificuldades "orando e trabalhando"

Tyler Perry destacou que mesmo nos tempos mais difíceis, jamais perdeu sua fé em Deus.

fonte: Guiame, com informações do Faith Wire

Atualizado: Segunda-feira, 2 Setembro de 2019 as 11:10

Tyler Perry é ator e diretor em Hollywood. (Foto: Paras Griffin/Getty Images)
Tyler Perry é ator e diretor em Hollywood. (Foto: Paras Griffin/Getty Images)

O ator, diretor e escritor de Hollywood Tyler Perry, conhecido por seus filmes envolvendo a personagem cômica "Madea", relatou que conseguiu superar uma difícil fase de sua vida "orando, trabalhando, acreditando e repetindo".

Atualmente vivendo na cidade de Atlanta, no estado da Geórgia (EUA), Perry fez uma postagem no Facebook nesta semana, celebrando a instalação de uma placa na estrada que indicava o caminho para o seu próprio estúdio. Ele descreveu Atlanta como sua "terra prometida".

"Eu vim para cá sem nada, morava na Sylvan Road [rua], era um sem-teto e estava morrendo de fome, mas estava sempre orando e acreditando", escreveu Perry. "Eu estava sempre mantendo a fé, sabendo que, se trabalhasse duro, se fizesse o meu melhor, mantendo a minha integridade, honrando todas as bênçãos e continuando agradecido por tudo, por tudo dar certo".

"E deu certo", acrescentou ele, "graças a Deus".

Para aqueles que estão lutando para permanecer fiéis à sua fé, Perry apontou para a passagem bíblica de Marcos 9:23-25, em que o evangelista registrou a súplica de um pai a Jesus: "Eu acredito, mas ajude-me a superar minha incredulidade".

"Mesmo nos momentos mais sombrios em que eu queria desistir", escreveu Perry, "continuei acreditando e pedi a Deus que me ajudasse a acreditar e superar qualquer pessimista, qualquer dúvida e qualquer problema".

O fundador dos estúdios Tyler Perry recentemente creditou a Deus os seus muitos sucessos. Durante um discurso no BET Awards, Perry disse que o Senhor o "abençoou" com a oportunidade de oferecer empregos aos futuros atores que lutam para encontrar trabalho em Tinseltown.

"Quando construí meu estúdio", ele disse em junho, "o fiz em um bairro que é um dos bairros negros mais pobres de Atlanta, para que jovens garotos negros pudessem ver que um homem negro fazia isso, e eles podem fazê-lo, também".

Perry também revelou que a terra em que seu estúdio está situado costumava ser a base de um grupo que planejava como manter 3,9 milhões de negros escravizados.

"Agora", ele disse, "essa terra pertence a um negro".

veja também