Ex-senadora Marina Silva ressalta a importância da Educação Adventista

Ex-senadora Marina Silva ressalta a importância da Educação Adventista

Atualizado: Sexta-feira, 16 Setembro de 2011 as 2:34

O último dia do Encontro de Educação da região centro oeste do Brasil foi marcado por momentos emocionantes. O grupo de diretores tesoureiros das unidades escolares da Rede Educacional Adventista de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Distrito Federal, assistiram ao devocional de despedida do pastor Otacílio Porfírio, capelão do evento. A mensagem foi baseada no “Vem e segue-Me” de Jesus como uma demonstração de que “não fomos nós quem O escolhemos, mas Ele nos escolheu”. Porfírio foi surpreendido e se emocionou pela presença da professora Zadir, diretora da Escola Adventista em Curitiba do período em que o mesmo conheceu a Jesus.

O evento seguiu com um seminário autobiográfico apresentado pela ex-ministra do Meio Ambiente, ex-senadora e candidata à presidência da república na última eleição, Marina Silva. Ela descreveu seus primeiros anos, quando era seringueira juntamente com sua família. Excluída socialmente, analfabeta, sonhou em superar-se e utilizou-se de dois meios fundamentais para obter o sucesso: a fé e a determinação. Sua história vencedora, pela qual passa a educação como fator diferenciador, emocionou o grupo participante do encontro. Silva ainda apresentou a Educação Adventista como um fator determinante para o sucesso, principalmente espiritual de suas filhas, sobretudo de Moara Silva, que foi aluna do Instituto Adventista Paranaense (IAP). “Minha sogra é adventista, meu sogro foi batizado recentemente, minhas filhas são adventistas e meu esposo está também se preparando para o batismo”, afirmou a ex-ministra, que é historiadora e apaixonada por estudos na área de Psicologia.

A Igreja Adventista no Estado de Goiás foi a responsável pelos momentos de testemunho e oração. Um momento marcante foi a anotação de nomes de alunos e professores que serão alvos do evangelismo na escola. A folha escrita se transformou em um barquinho após dobradura. Juntos, diretores e tesoureiros de cada unidade escolar levaram seu barquinho aos pés da cruz postada no cenário do auditório. Neste momento, o grupo foi relembrado pelo professor Luis Moraes, diretor de educação no Goiás, daquilo que foi apresentado pelo pastor Ivan Goes, diretor da rede de educação adventista para o centro oeste, que não devemos ser barcos, mas botes salva-vidas.

Para encerrar o evento, pastor Helder Roger, presidente da Igreja Adventista no centro oeste falou ao grupo. Ele levou os participantes a refletir sobre suas principais motivações, se são movidos pelo chamado, algo que Deus coloca no coração, ou pelo ativismo, em que nossas ações são determinadas por interesses pessoais. Helder sensibilizou o grupo a manter uma comunhão mais próxima de Deus, colocando isto como prioridade nas agendas pessoais.

O pastor Ivan Góes, após ter sido aplaudido pelos participantes em reconhecimento pela realização do evento, procedeu à oração final, encerrando o Encontro de Educação 2011.

Para Jean Nunes, tesoureiro em uma das escolas da região de Brasília e entorno, o coração bateu mais forte ao longo do encontro. “Preciso viver refletindo o caráter de Cristo, tendo a influência do Espírito Santo”, concluiu ele.

Justina Scola, tesoureira do Colégio Adventista de Rondonópolis em Mato Grosso, reconheceu estar saindo renovada pelo Espírito de Deus. “Saio com a certeza de que Ele fará as coisas impossíveis”, afirma.

veja também