Ex-travesti combate afirmação de Elton John

Ex-travesti combate afirmação de Elton John

Atualizado: Segunda-feira, 22 Fevereiro de 2010 as 12

Por Felipe Pinheiro - www.guiame.com.br

Após a afirmação polêmica de Elton John sobre a sexualidade de Jesus Cristo - "um homem gay superinteligente, que entendeu os problemas da humanidade" -, o ex-travesti Joide Miranda avaliou a manifestação do querindinho da rainha Elizabeth.

"Foi proposital esta frase para tentar agredir a Igreja Cristã, não só Elton John, mas também o movimento pró-homossexualismo e o movimento queer [teoria utilizada por homossexuais que valoriza uma cultura própria, de liberdade sexual] acreditam e tentam divulgar que Jesus era gay. (...) Os cristãos precisam se despertar", disse Joide que atua como missionário percorrendo o Brasil relatando o seu testemunho.

Para o ex-travesti, que compreende tais opiniões como sinais do fim dos tempos, "assim como Jesus tem seus servos aqui na terra para proclamar as verdades bíblicas, assim também o diabo tem seus servos para disseminar o pecado, tentando distorcer o caráter de Deus".

"Não levo em conta as bobagens que um homem como Elton John fala, que Deus alcance seu coração para que ele entenda que sem Jesus ele é um zero a esquerda. Eu sei que a sua fortuna, fama e poder não substituem a frustração e o vazio interior com que ele vive".

Joide Miranda, após sofrer um abuso sexual na infância, vivenciou a homossexualidade e o travestismo. Chegou a trabalhar em zonas de prostituição na Europa, com passagens por Itália e Paris. Após se converter ao Evangelho e passar por um processo terapêutico de restauração sexual, o missionário se casou com Edna Miranda, com quem está junto há 11 anos.

veja também