Fuja do barulho

Fuja do barulho

Atualizado: Sexta-feira, 22 Março de 2013 as 11:27

 

barulhoJá acordamos com o alarme do despertador. A pressa toma conta da gente. Os pensamentos se voltam para as atividades do dia. Mais um dia pela frente com os seus desafios.
 
Muitos terão que lidar com o barulho das buzinas, das freadas, dos carros, dos ônibus, das pessoas, do progresso, da conquista, da injustiça e da incerteza.
 
Dentro da gente também há um mundo barulhento, inquieto, intranqüilo, inseguro, amedrontado e insatisfeito. Em busca de tranqüilidade, mas encontrando muita dificuldade para encontrar.
 
Temos que aprender a valorizar o silêncio, se possível diariamente. Brennam Menning escreveu que: “ o silêncio não é a simples ausência de ruídos ou a interrupção da comunicação com o mundo exterior, mas o processo de atingir um estado de tranqüilidade”.
 
Tente no seu dia-a-dia fugir um pouco do barulho, do ruído, da afobação e mergulhar no silêncio. Pare pelo menos por um minuto, perceba a sua respiração e tente enxergar um pouco o seu interior.
 
 
- Luciano Manga
 

veja também