Gilberto Coelho: "Fé e Razão não são conceitos indissociáveis"

Gilberto Coelho: "Fé e Razão não são conceitos indissociáveis"

Atualizado: Terça-feira, 26 Novembro de 2013 as 8:36

fé e razãoFé e Razão não são conceitos indissociáveis, mas ambos andam juntos. Fé, é dom de Deus, portanto, de natureza divina, o que lhe confere a possibilidade de crer em Deus, de crer na Bíblia Sagrada como sua legítima palavra revelada, enfim, de relacionar-se com o sobrenatural. 
 
Razão, é um dos atributos de Deus transferidos ao homem na criação, o que lhe confere a capacidade de pensar, de aprender, de conhecer, de saber, de construir, inclusive de acreditar e de não acreditar. 
 
A Fé, embora divina, é processada na mente humana sem estar sujeita a ela, e mediante a ação do Espírito Santo a mente humana é persuadida ou convencida a se curvar ante a inegável existência de Deus. 
 
A Fé, pode ser taxada de cega ou louca quando exercitada com fanatismo, levando àquele ou àquela que a exerce a viver com a mente e os pés nas nuvens.
 
A Razão, por sua vez, também pode ser taxada de cega ou louca quando se apoia em ideias e/ou convicções desprovidas de respeito aos valores humanos.
 
Se as duas são presentes de Deus; Fé e Razão, nada melhor do que usá-las a serviço da vida e da comunhão com o Criador, ao invés de tentarem provar que uma se opõe a outra. 
 
 
- Gilberto Fernandes Coelho
via Facebook
 

veja também