Goleiro Bruno lê a Bíblia e chora na sala do júri

Goleiro Bruno lê a Bíblia na sala do júri

Atualizado: Segunda-feira, 4 Março de 2013 as 1:22

 

bruno no juri
 
Nesta segunda-feira, 4 de março, a Justiça deu início ao julgamento do ex-goleiro Bruno Fernandes, acusado de matar a modelo Eliza Samudio.
 
Cinco mulheres e dois homens vão compor o Conselho de Sentença que dará o veredicto, culpado ou inocente, no júri popular de e de sua ex-mulher Dayanne Rodrigues, informa a repórter Rosanne D'Agostino, da globo.com.
 
Na sala do júri, o goleiro carregava Bíblia e lia algumas passagens.
 
Ele também teve crises de choro no local.
 
Enquanto esteve preso, Bruno ouviu ministrações da Palavra de Deus e parece ter se apegado a fé para superar o mau momento.
 
Em uma entrevista de junho de 2012, Ângela Maria Rosa Sales, tia do ex-atleta, confirma essa aproximação de Deus.
 
“No domingo, na hora do almoço, ele faz uma oração e canta hinos de louvor. Isso distrai a cabeça dele, porque se não tiver Deus no coração, aí é que não tem jeito mesmo”, contou ela.
 
Anderson e Aline Duarte, pastores da Igreja Evangélica Restaurando Vidas, relatam que a aproximação foi devagar e que o desejo do ex-goleiro em se batizar era real.
 
"No começo, ele chegava muito devagar e preocupado. Até mesmo porque a mídia estava batendo muito nele. Antes, não assistia a todas as nossas reuniões. Hoje, ele participa de todos os encontros", disseram.
 
 
com informações da Globo.com
 

veja também