Google é condenado a pagar indenização de R$ 15 mil a padre

Google é condenado a pagar indenização de R$ 15 mil a padre

Atualizado: Terça-feira, 27 Abril de 2010 as 12

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais condenou o Google a pagar uma indenização de R$ 15 mil ao padre José Raimundo. O pároco entrou com processo por danos morais contra acusações postadas em site de relacionamento. A empresa já recorreu da decisão.

Segundo José Raimundo, as ofensas o chamavam de ladrão. Ele era responsável pela igreja matriz de Bueno Brandão, no Sul de Minas Gerais, chegou a ficar seis meses afastados do cargo e depois pediu transferência para Silvianópolis.

De acordo com a assessoria do Google, não cabe a empresa indenizar o padre porque não foi o site quem postou as calúnias.

veja também