Grupo ativista questiona o que aconteceria se Maria abortasse Jesus

Grupo ativista questiona o que aconteceria se Maria abortasse Jesus

Atualizado: Sexta-feira, 27 Dezembro de 2013 as 7:51

abortoCom o propósito de firmar posição contra o aborto, um grupo de ativistas pró-vida organizaram uma manifestação nesse feriado de natal, em Chicago, Estados Unidos.
 
A manifestação estava marcada para acontecer em frente de cinco clínicas de aborto em Chicago e a intenção é orientar as mulheres gestantes sobre o que teria acontecido se o órgão PPFA (Federação de Planejamento Familiar da América) existisse na época do nascimento de Jesus Cristo e conduzissem o aborto de Maria.
 
O ato seria feito com o uso de uma manjedoura vazia e algumas canções clássicas de Natal.
 
Eric Scheidler, diretor executivo do grupo Pro-Life Action League (Liga de Ação Pró-Vida) relatou que a estratégia dos cantos já deu certo em outra ocasião e a manjedoura consegue sensibilizar ainda mais, quando as mulheres entendem a referência feita a Jesus.
 
 
com informações do Christian Post
 

veja também