Ideologia, quero uma pra viver

Ideologia, quero uma pra viver

Atualizado: Terça-feira, 18 Junho de 2013 as 10

apatia“Construam casas e habitem nelas; plantem jardins e comam de seus frutos. Casem-se e tenham filhos e filhas … Busquem a prosperidade da cidade para a qual eu os deportei e orem ao Senhor em favor dela, porque a prosperidade de vocês depende da prosperidade dela. Não deixem que os profetas e adivinhos que há no meio de vocês os enganem. Não deem atenção aos sonhos que vocês os encorajam a terem. Eles estão profetizando mentiras em meu nome. Eu não os enviei”, declara o Senhor.
Jeremias 29. 5-9
 
O povo de Jerusalém havia sido levado para o cativeiro da Babilônia e alguns falsos profetas anunciavam mentiras. Deus havia desistido do povo. Deus viria de modo mágico e destruiria todos os inimigos de Israel instantaneamente. A ideia de que Deus abandona gera o medo. A ideia de que Deus fará mágica gera alienação.
 
Ele manda avisar que vai liberta-los no momento certo. A história não acabou e Ele está no controle, mesmo que as teologias modernas declarem que Ele não sabe, não viu, está distante.
 
Manda avisar também que o povo é responsável por sua história. Não haverá magia, o povo precisa lutar por si mesmo, construir um mundo melhor, fazer de tudo para viver bem. A prosperidade está no trabalho do povo e não no auditório deslumbrado com o profeta mentiroso.
 
A mensagem de Deus em dias difíceis como os nossos não é fatalista nem ufanista, mas carregada de uma verdade que liberta-nos para viver, apesar de tudo.
 
 
- Alexandre Robles
 

veja também