Igreja Evangélica assina carta convocando cristãos a lutarem contra a corrupção

No Zimbábue cristãos lutam contra a corrupção

Atualizado: Terça-feira, 11 Dezembro de 2012 as 7:23

Cristãos do Zimbábue se uniram para marchar contra a corrupção nesta semana. A ação foi organizada para coincidir com o Dia de Combate à Corrupção mundial, comemorado ontem, e faz parte da campanha anti-corrupção para o próximo ano.

Igrejas dizem que a corrupção está mantendo milhões de pessoas presas na pobreza. Líderes das três maiores entidades cristãs do Zimbábue assinaram uma carta urgindo os cristãos a se levantar contra a corrupção.

Shana Goodwill, Presidente dos Chefes de denominações cristãs, que representam 75 por cento dos cristãos do país, disse que "no Zimbábue vamos marchar em nossas cidades para mostrar a nossa raiva contra a corrupção". "Isso tem que parar. Os pobres estão morrendo."

Goodwill é presidente de Chefes de denominações cristãs no Zimbábue (HOCD) que compõem os três órgãos principais da Igreja - Conferência dos Bispos Católicos do Zimbábue, Conselho de Igrejas do Zimbábue da Irmandade Evangélica de Zimbábue - representando milhões de cristãos.

A campanha visa mobilizar 100 milhões de cristãos contra a corrupção em outubro de 2013.

 

Com informações do CPAD News

veja também