Igreja Metodista do Brasil e do mundo debatem sobre projeto social

Igreja Metodista do Brasil e do mundo debatem sobre projeto social

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2011 as 10:48

Lideranças da Igreja Metodista Unida da Virginia (EUA), Moçambique (África), Metodista da Alemanha, do Brasil e a Junta Global de Missões (Global  Ministries), estão reunidos na Sede Nacional da Igreja Metodista, em São Paulo  para a Consulta Internacional do projeto Sombra e Água Fresca (SAF). O evento, que teve início na sexta-feira, 01/04, tem por objetivo discutir e analisar a possibilidade de implantação e desenvolvimento de projetos nos moldes do SAF, em outros países, principalmente em Moçambique, Angola e algum outro na América Latina.

Os participantes da Consultoria Internacional estiveram neste sábado, 02/04, no Projeto Sombra e Água Fresca na igreja Metodista em Vila Planalto, São Bernardo do Campo- São Paulo. Este programa atende cerca de 30 crianças e adolescentes às terças, quintas e sábados. No início, visitantes e participantes se apresentaram e cantaram músicas aprendidas no Projeto. As crianças se supreenderam ao descobrir visitantes de vários lugares do Brasil e do mundo, com 3 continentes representados.

Logo após, o grupo pôde observar as atividades de educação cristã e artesanato, organizadas por faixa etária. Parte do grupo liderou uma oficina de educação musical, na qual crianças e adultos participaram e se divertiram muito. O evento se encerrou após um gostoso lanche. O objetivo era que os visitantes internacionais pudessem observar e vivenciar na prática como acontece um projeto SAF. Mais do que isso, foi um importante momento de troca e aprendizagem mútua, no qual crianças e adultos se sentiram acolhidos e amados.

Este domingo o grupo desenvolverá um Plano de Ação e definição de tarefas posteriores.

Veja a seguir o depoimento da agente Keila da Silva Guimarães (agente da 1RE) sobre o Projeto Sombra e Água Fresca.

Meu nome é Keila da Silva Guimarães e estou no projeto Sombra e Água Fresca desde o início. Sou metodista de berço e é importante dizer que como John Wesley eu acredito que o mundo é nossa paróquia. Por isso que tenho uma diversidade de ações relacionadas ao projeto Sombra e Água Fresca. Mesmo sendo parte da equipe Nacional dou minha contribuição na área de tradução e também na área de capacitação e sou uma das multiplicadoras.

Tenho feito essa ponte entre o Brasil e os Estados Unidos e também os países da América Latina. Sinto que o projeto Sombra e Água Fresca, foi uma pequena semente que foi plantada nos corações da Igreja Metodista no decorrer dos anos e atualmente é com muita alegria que eu vejo que essa pequena semente chegou aos dez anos de idade. É muito importante estar aqui nesta consulta internacional porque nós estamos como comunidade trabalhando uma igreja global. Trabalhando com Moçambique que é um dos parceiros da Igreja Metodista na Virginia, a Igreja Metodista Unida na Alemanha, que tem sido uma parceira também nos desafios missionários da Igreja Metodista. Também há o Ciemal, que também vem da proposta de uma igreja comum.

Como equipe do projeto Sombra e Água Fresca, nós trabalhamos em Rede e sentimos que a rede é essencial porque nós não podemos fazer as coisas sozinhos. Nós não somos uma ilha, pelo contrário, nós precisamos uns dos outros. E por isso mesmo que o projeto Sombra e Água Fresca é uma vertente muito especial da Igreja Metodista e que eu tenho muito orgulho de trabalhar.

Sou parte da Igreja Metodista em Botafogo, que se tornou um ponto missionário e nós temos lá um trabalho de acompanhamento escolar. Essa comunidade fica de frente ao Morro Dona Marta, que foi a primeira comunidade no Rio de Janeiro a ser pacificada. E é por isso mesmo que eu tenho um compromisso muito grande com aquilo que eu acredito: o trabalho social e integral da Igreja Metodista.

Nós juntos podemos fazer a diferença na vida de tantas crianças, de tantos adolescentes pelo Brasil afora. Creio que todas as crianças são nossas crianças e essa é uma prioridade não somente minha, mas no que eu acredito, por isso aqui estou.  

veja também