Igrejas realizam campanha contra a violência doméstica

Igrejas realizam campanha contra a violência doméstica

Atualizado: Quinta-feira, 22 Abril de 2010 as 12

Sob o lema ''Isto tem que parar'' foi encerrada campanha de informação e sensibilização contra a violência doméstica, organizada por instituições cristãs que atendem essa problemática como linha de ação.

Entre as instituições participantes estavam ''Women Working'', dos Estados Unidos, a Sociedade Bíblica Peruana, a ''Rede por uma Família sem Violência'' e organizações seculares que defendem os direitos da mulher.

No ano passado, foram registrados 279 assassinatos de mulheres no Peru, 70% perpetrados por pessoas próximas ou parceiros conjugais; 12,8% das mulheres assassinadas tinham apresentado denúncia por terem sofrido violência familiar.

Integrantes da campanha instalaram posto de informação na zona central da cidade, em frente ao Shopping Plaza San Miguel. Foram distribuídos materiais de conscientização sobre violência familiar, divulgados endereços onde pesssoas nessas condições podem buscar refúgio.

O grupo também proporcionou aconselhamento psicológico gratuito, das 9h às 17h, e apresentou conferências durante o dia sobre violência doméstica e bom trato às mulheres.

''A Rede por uma Família sem Violência'' foi estabelecida como resultado de um convite que a Sociedade Bíblica Peruana realizou às diferentes instituições cristãs para integrar esforços frente a esta problemática. Foi uma experiência de como cristãos podem se unir para levantar a voz, saindo às ruas, procurando influir na sociedade.

A Sociedade Bíblica Peruana através de seu programa ''Luta contra a violência familiar'' vem realizando ateliês de sensibilização voltados a mulheres de zonas marginais da capital.

Por Pablo Gutiérrez Perea

veja também