Imprensa tem dificuldades para falar com Cassiane na Expo Cristã

Imprensa tem dificuldades para falar com Cassiane na Expo Cristã

Atualizado: Quarta-feira, 17 Setembro de 2008 as 12

Imprensa tem dificuldades para falar com Cassiane na Expo Cristã

Por Myrian Rosário   Se é verdade que sem a unção e a aprovação de Deus não há fórmula que consiga garantir o sucesso, também é certo que quando o Senhor escolhe alguém para proclamar sua Palavra através da música, elementos como uma boa voz ou dom para tocar um intrumento, sabedoria, graça e comunhão íntima com o Pai são de fundamental importância. Mas, para que esse objetivo se concretize na sua plenitude, ítens práticos como uma boa produção, uma gravadora competente e responsável e uma ampla divulgação na mídia também são importantes.   Com talento, unção e carisma incontestáveis, a cantora Cassiane talvez seja hoje o maior nome da música gospel no gênero pentecostal no Brasil. Fãs de todos os lugares se aglomeraram ao redor do stand da gravadora Reuel para vê-la e, quem sabe, conseguir um autógrafo, apesar da desorganização da fila, no último sábado, dia 13 de setembro, na Expo Cristã, em São Paulo.

Enquanto a cantora atendia, pacientemente, aos fãs, nos bastidores a imprensa se via impedida de conversar com Cassiane e divulgar notícias sobre a ela e o seu trabalho.   Nas duas tentativas feitas pela reportagem do Guia-me para conversar com a cantora, esbarramos na frieza que beirava o descaso por parte de Vaninha, assessora de imprensa, e de Adriana Santiago, identificada como diretora da Reuel. Segundo elas, não havia sido programado nenhum tempo para que a cantora atendesse à imprensa, já que a sua prioridade era "atender aos consumidores dela", disseram. Esperar até as 22 horas, horário de encerramento da feira, ou retornar no outro dia para ver se surgiria uma oportunidade de entrevistá-la foi a orientação dada pela assessora aos nossos repórteres.   Mais tarde, soubemos que o mesmo discurso foi repetido para uma repórter do Portal IG, que por coincidência é ex-colaboadora do Guia-me. Diante da falta de colaboração por parte da equipe da Reuel, que sempre se dirigu a nós sem nenhuma gentileza, desistimos. Não haverá na extensa lista de reportagens do Guia-me sobre a Expo Cristã nenhuma citação à doce e amável Cassiane. Pena!

Outros personalidades de destaque no meio gospel, como Aline Barros e Soraya Moraes, também estiveram na Expo Cristã e apesar do grande assédio por parte dos fãs, sabiamente reservaram um tempo para conversar com a imprensa. A eles nossa admiração, respeito e páginas de notícias que, com certeza, agradarão não só aos fãs, mas ao coração do Senhor que os chamou para proclamar o evangelho a toda criatura.

Nesses tempos de globalização, divulgação é fundamental. E até nisso devemos seguir os passos do nosso Mestre. "Doutor" em Comunicação, desde a eternidade o Todo-Poderoso dedicou atenção especial ao registro dos seus feitos, estatutos e mandamentos para que os seus filhos não se perdessem por falta de instrução. Foi Ele mesmo quem capacitou homens para que escrevessem a Bíblia, divulgando grandes "reportagens" sobre o reino de Deus e sobre os servos que fizeram maravilhas em Seu nome.

A Bíblia nos mostra que Deus se importa em divulgar o que é edificante para o Seu reino. Ele levantou "repórteres" que registraram tudo em manuscritos rudimentares. O Senhor tem feito maravilhas através da vida de Cassiane e não esperávamos que fosse tão complicado divulgá-las num portal evangélico, em plena Era da Informática. Será que ela tem conhecimento sobre as atitudes de sua assessoria? Será que as aprova e se agrada com isso?

O Guia-me continua aberto para divulgar as novidades, entrevistas e pontos de vista de Cassiane. Esperamos poder contar com mais profissionalismo e maior senso de respeito e amor fraternal nos nossos próximos encontros. Afinal, todos nós, repórteres, assessoras e cantora, fazemos parte do mesmo reino e passaremos a eternidade no mesmo lugar.

veja também