Instituto Adventista Pernambucano de Ensino propõe metas sustentáveis para o Nordeste

Instituto Adventista Pernambucano de Ensino propõe metas sustentáveis para o Nordeste

Atualizado: Sexta-feira, 28 Janeiro de 2011 as 2:16

 A educação é essencial para a transformação social. Esta premissa está por trás da campanha de ações sociais e sustentáveis que o Instituto Adventista Pernambucano de Ensino (Iape) vai executar até a data prevista para a inauguração, em dezembro de 2012. O novo internato do Nordeste está em construção. Fica no agreste de Pernambuco, entre as cidades de Gravatá e Sairé. Localiza-se à margem da BR 232. Para os gestores desse empreendimento, o instituto vai oferecer um ensino diferenciado. “Será uma referência de educação de qualidade e compromisso com os mais nobres valores humanos”, afirma o pastor Geovani Queiroz, líder da Igreja Adventista para a região Nordeste.  

As ações sociais evidenciam essa declaração. No planejamento da obra, foi decidido que a Educação Adventista prestaria serviço para o desenvolvimento ambiental e o bem-estar social, antes mesmo de inaugurar. A partir de março de 2011, até dezembro de 2012, será executado um calendário de projetos sociais.

A primeira meta será a realização de uma campanha articulada em favor da cultura de paz, com base no projeto Quebrando o Silêncio – que combate a violência e o abuso nas famílias.  O evento acontecerá em março, envolvendo várias cidades do agreste e também Recife, capital do Estado.

Haverá ainda campanha em favor da saúde, da preservação do meio ambiente, desfiles cívicos, coleta de alimentos para creches e asilos, feira de produtos orgânicos e doação de sangue.

“Queremos criar no entorno da comunidade a ideia de que um internato ou uma escola adventista trazem benefícios sociais”, disse o líder da Educação Adventista para o Nordeste, Enildo Nascimento.

veja também