Johnatan vai do inferno ao céu no Rio Branco

Johnatan vai do inferno ao céu no Rio Branco

Atualizado: Terça-feira, 4 Maio de 2010 as 4:20

Evangélico, o lateral-direito Johnatan, do Rio Branco, garante ter a certeza da salvação eterna. Mas no futebol é diferente. Cobrado pela torcida, ele convive com o céu e o inferno rodada a rodada. E na última partida, na goleada diante do Vilavelhense, o dia foi de dar a volta por cima e agradecer aos céus.

"É verdade. Eu tenho a certeza da salvação. Mas no futebol você tem que mostrar isso, jogar futebol e trazer a vitória. No Rio Branco não é diferente", frisou o lateral-direito, que marcou um dos gols da vitória sobre o Vila, o seu terceiro no Capixabão.

"No Rio Branco é assim. Não pode ter erro. Tem que estar sempre mantendo o bom nível. A pressão é maior. Qualquer derrota vem o questionamento do trabalho", garante.

Sobre a chegada de Dé Aranha, o lateral-direito acredita que agora, já classificado (o Rio Branco só fica de fora se perder para o Serra e ver um saldo de 23 gols ser desmontado), o técnico terá mais tempo para trabalhar e adotar a sua filosofia de trabalho.

"O Dé ajudou na motivação. Quando muda de treinador, todos querem mostrar um trabalho melhor. Agora ele vai ter mais tempo para trabalhar e conhecer a equipe", disse.

Já o artilheiro do Rio Branco e do Capixabão com 15 gols, o atacante Juca, deve ficar mais duas semanas no estaleiro. No jogo contra o Vilavelhense o jogador foi substituído logo aos dois minutos de jogo.

"Ele teve outro estiramento na coxa esquerda. Não tem hematoma. Mas ele está na fisioterapia e vamos marcar uma ressonância", explicou o médico do Rio Branco, José Carlos Gomes.

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também