Joice Meyer comenta sobre morte trágica de seu irmão

Joice Meyer comenta sobre morte trágica de seu irmão

Atualizado: Segunda-feira, 21 Fevereiro de 2011 as 10:21

Joice Meyer Fala da Trágica Morte de Seu Irmão Meyer disse que soube sobre a morte de seu irmão quando autoridades de Los Angeles a chamaram, em dezembro, cerca de uma semana depois do Natal, para informar-lhe que eles o haviam encontrado morto em um prédio abandonado na cidade. Ele havia sido morto 30 dias e seu corpo estava tão decomposto que as autoridades precisaram de sua arcada dentária para identificá-lo, ela disse.

Alguns dias atrás, ela recebeu seus restos cremados e alguns bens pessoais que incluíam um canivete, uma carteira vazia, chaveiro e um relógio quebrado. Ela imaginou que ele deveria estar cheio de arrependimento durante os últimos dias de sua vida para não ter feito as escolhas certas.

Durante seu discurso na C 3 Conference at Fellowship Church em Dallas, Meyer comparou sua vida com a de seu irmão para ilustrar como a cada pessoa ter a determinação para seguir o plano de Deus, não sua situação, que lhe permitam aproveitar as promessas de Deus.

“A maneira como uma vida acaba não é dependente do que as pessoas fazem para nós, ou do que eles não fazem por nós”, disse Meyer. “Não há homem sobre a terra ou o diabo no inferno que pode mantê-lo fora do caminho que Deus colocou em você.”

Usando João 5 como seu texto principal, Meyer pregou sobre a história de um homem paralítico que ficou parado à beira de uma piscina por 38 anos à espera de ser curado. Jesus perguntou ao homem: “Você realmente quer ser curado?” Para que o homem então responder com “sim”, mas com auto-piedade. O homem paralítico reclamou que ninguém o ajudava a entrar na piscina e que alguém sempre o vencia na piscina, quando o anjo agitou a água.

Ela relacionou a história à sua própria vida e a de seu irmão.

Por muitos anos, Meyer sofreu abusos sexuais de seu pai, o que a levou a tornar-se controladora, manipuladora e rebelde. Ela foi salva com a idade de 9, mas perdeu a fé por algum tempo. Foi apenas quando ela já era mais velha que ela ouviu a voz e o chamado de Deus para pregar. Hoje, ela é uma pregadora de renome mundial, com milhões de livros vendidos e programas de TV que são exibidos em dois terços do mundo, pelo que sabe.

Enquanto isso, seu irmão David se juntou ao Marine Corp e começou a tomar drogas e remédios. Casou-se jovem e tinha um bebê. Ele deixou a esposa e se recusou a pagar pensão alimentícia. Meyer disse que tentou várias vezes para o irmão, mas ele continuou fugindo. Durante um periodo de sua vida, ele foi empregado no por ela, onde trabalhou por alguns anos até que foi intimado a pagar 60.000 dólares em pensão alimentícia não paga. Ele largou o emprego e passou por uma série de namoradas e vícios em drogas. Outra vez, ela o ajudou num tratamento de reabilitação de drogas no Dream Center, em Los Angeles, mas após alguns meses no programa, ele disse que não era para ele.

A evangelista disse que tanto ela quanto seu irmão vieram da mesma linhagem, mesma família, em alguns aspectos, ambos passaram por suas próprias lutas. No entanto, enquanto ela finalmente assumiu a responsabilidade por seu comportamento, seu irmão sempre fugiu da dele.

Mesmo que o homem aleijado na história do Evangelho não pudesse se mover muito, durante os 38 anos, ele pode pelo menos, ir até a borda da piscina, ela disse.

“Ele (David) só queria permanecer na piscina mais um ano, sentir pena de si mesmo, por a culpa em alguém e permanecer aleijado”, disse Meyer. “Eu cansei de ficar à beira da piscina e decidi me mexer.”

Meyer disse que ela não estava trazendo a história de seu irmão a tona para trazer desrespeito a ele, mas que ela acreditava que ele gostaria que ela falasse sobre ele para ensinar aos outros “uma lição”.

Ela disse que houve um tempo em que ela e o marido consideraram pagar a pensão alimentícia atrasada, mas ela queria que seu irmão mostrasse o seu compromisso com o trabalho e não parar de trabalhar.

“Eu acho que às vezes Deus tem um milagre para as pessoas, mas Ele vê se as pessoas vão se mexer em primeiro lugar,” ela disse. “Da próxima vez que você estiver tendo um ataque de auto piedade e quiser desistir, espero que o Espírito Santo sopre em seu ouvido, mexa-se!”

Em sua mensagem, Meyer também disse que foi inspirado pela história de Bill Hybels em seu último livro, “O Poder de um Sussurro”. Hybels, pastor da Willow Creek Community Church perto de Chicago, escreve noo livro que ele orou a noite toda um dia em busca de respostas para alguns dos desafios enfrentados pela Igreja. Ele disse a Deus que ele ia rezar até que ele recebesse uma resposta de Deus. Quando o amanhecer se aproximava, ele ouviu um sussurro de Deus dizendo-lhe para simplesmente se levantar, se vestir e ir trabalhar.

Deus opera no princípio de semente de fé, Meyer ressaltou. Não importa o quão patética é a tentativa, se nós tentamos nosso melhor, então, Deus nos abençoará, disse ela.

“Se tudo que você pode fazer é se levantar e ir trabalhar, então faça o que você pode fazer, e Deus fará o que você não pode fazer.”

veja também