Jovem cristão é agredido e arrastado nas ruas de vilarejo

Jovem cristão é agredido e arrastado nas ruas de vilarejo

Atualizado: Segunda-feira, 14 Junho de 2010 as 8:16

Mesmo com a paz retornando vagarosamente para o distrito de Kandhamal, o Estado de Orissa continua a ser um cenário de violências anticristãs. Recentemente, um jovem cristão foi agredido, torturado e arrastado em seu vilarejo, onde os agressores o submeteram a uma cerimônia de reconversão ao hinduísmo.

O incidente, que ocorreu no distrito de Nuapada, aconteceu quando seis extremistas hindus atacaram um jovem cristão de 19 anos, Bhakta Bivar, em sua própria casa. Eles invadiram e roubaram o local, e o deixaram gravemente ferido, mas não continuaram em seu plano de matá-lo e sua família inteira, pois os pais de Bhakta, Neheru e Budhabari Bivar, não estavam em casa.

Durante o crime, os agressores roubaram quatro Bíblias. Antes de arrastarem o jovem para fora da casa, eles o torturaram. Em seu caminho para o templo hindu, eles o agrediram. Já dentro do local, entre chutes, tapas e insultos, eles o "reconverteram" ao hinduísmo

A polícia local começou a agir apenas no dia seguinte. O superintendente Bibek Rath prendeu cinco dos seis assaltantes, Siba Prasad Jha (22), Bijoy Punji (20), Samita Patra (23) e Jasobanta Ada (20), registrou uma acusação, e depois os deixou ir embora.

Sajan K. George, presidente nacional do Global Council of Indian Christians, disse para a Asia News que esse tipo de violência não é aleatória.

"Há interesses escondidos por trás das ameaças e violência contra a comunidade cristã em Orissa. Justamente quando a comunidade estava aprendendo a viver uma vida normal após os ataques de 2008, enfrentamos esse tipo de violência."

Tradução: Missão Portas Abertas

veja também