Jovem morreu um dia depois de igrejas evangélicas protestaram contra o carnaval

Igrejas evangélicas na Argentina marcham contra o carnaval

Atualizado: Terça-feira, 24 Janeiro de 2012 as 10:27

As igrejas evangélicas da Argentina marcharam durante três dias, contra os desfiles de carnaval que começam em breve. Julho Firmapaz, Pastor da Igreja Evangélica Apostólica Templo Elohim, liderou o protesto que percorreu os lugares onde vão acontecer os desfiles.

Enquanto desfilavam os evangélicos oravam "Pai , pedimos que todo o mal que ocorre neste feriado pagão volte ao seu lugar de origem ", está é a primeira marcha contra a data

Um dia após o evento, uma jovem dançarina de 22 anos morreu esmagado pelas rodas de um carro enquanto participava de um desfile de carnaval na província de Corrientes, Argentina (nordeste), informou a polícia, conforme publicado Terra.

Ela escorregou quando tentava ajudar o outro dançarino para entrar no carro, caiu e foi esmagada pelas rodas do veículo, cujo motorista não perceber que ele tinha passado sobre a menina. O incidente ocorreu na madrugada do dia da apresentação da trupe Caru Cura na cidade de Esquina, 240 quilômetros ao sul da cidade de Corrientes, diante de centenas de pessoas.

veja também