Jovens destroem objetos usados para consumir drogas e afirmam: "Jesus nos libertou"

Vídeo recebeu milhares visualizações e inúmeros comentários com testemunhos semelhantes.

fonte: Guiame, com informações do Christians News

Atualizado: Terça-feira, 27 Agosto de 2019 as 10:47

Ex-viciado destrói materiais e queima revista sobre maconha. (Foto: Reprodução/YouTube)
Ex-viciado destrói materiais e queima revista sobre maconha. (Foto: Reprodução/YouTube)

Um vídeo postado no YouTube na sexta-feira (23) mostra dois ex-viciados destruindo seus apetrechos de drogas em um estacionamento e proclamando a ‘liberdade das fortalezas’ por meio de Jesus.

"Nós vamos quebrar todas as nossas coisas. Isso é todos os objetos, pessoais. São milhares de dólares [gastos] em coisas”, explicou um dos homens, chamado Julian. “Nós éramos tão viciados nisso. Vamos acabar com tudo agora.”

“[Essas] coisas tinham um reduto em nossas vidas e nós estávamos seriamente viciados nelas”, disse o outro homem, Tyrell. "Nunca pensamos que faríamos isso, mas agora que fomos libertados disso, é o que precisamos fazer."

Os homens participam do Christ’s Forgiveness Ministries (Ministério do Perdão de Cristo) em Toronto, Canadá, liderados por David Lynn, conhecido por seu trabalho evangelístico nas ruas.

Explicando o valor monetário de alguns dos itens, Julian e Tyrell esmagaram tudo, de seus cachimbos a uma pistola de calor a uma bandeja rolante, dobrada ao meio antes de ser jogada no chão.

"Uau. Tome isso, diabo!”, declarou um homem atrás da câmera. “É isso que Jesus faz. Jesus te liberta dos vícios. Ele te liberta da escravidão do diabo”.

"Dinheiro não importa. Nada importa, exceto o Senhor Jesus Cristo e Seu amor”, acrescentou. "É o amor de Jesus que tem esses homens destruindo tudo isso agora", afirmou o homem que acompanhava a ação.

"Ele nunca terá uma fortaleza sobre nós, em nome de Jesus Cristo!", disse Tyrell.

Os homens então varreram os pedaços quebrados para descartar a parafernália destruída. Julian incendiou um par de revistas com artigos de capa sobre maconha. O valor estimado dos itens estava entre US$ 2.000 e US$ 4.000.

Rapazes destruindo materiais que usavam para consumir drogas. (Foto: Reprodução/YouTube)

"Eu me sinto ótimo. Louvado seja o Senhor”, disse Tyrell. "Aleluia."

"Você precisa se livrar dessas coisas se tiver em sua casa, tem um vício nessas coisas, precisa se libertar delas", acrescentou Julian. "Eu nunca pensei que faria isso, mas estou muito feliz em fazê-lo."

Publicação no Youtube

Enquanto alguns discordavam, muitos se alegravam com o vídeo do YouTube, afirmando que eles também haviam jogado fora seus apetrechos de drogas ou produtos ocultistas depois de se tornarem uma nova criatura em Cristo.

“Eu fiz isso também! Após 26 anos de escravidão. Eu só consegui me libertar em nome poderoso de Jesus Cristo!”, escreveu uma pessoa.

"Joguei o vaso no vaso sanitário seis meses atrás e, com a ajuda de Jesus, não comprei mais", testemunhou outro. “Fumei por 20 anos. Não sinto mais falta de ser chapado. Ser um maconheiro não é diferente de ser um bêbado, e nenhum bêbado entrará no reino dos céus.”

“Lembro que continuei quebrando meus cachimbos de paz e vários cachimbos de metanfetamina e finalmente me rendi completamente e quebrei meu cachimbo - apenas o deixei cair no chão. Despejou água no saco de ervas daninhas. Molhe os papéis de enrolar. Garantiu que ninguém a encontrasse”, relatou um terceiro.

"Aleluia! Sentia-me assim quando destruí e joguei fora todo meu material de nova era e parafernália de bruxaria”, outro aplaudiu. "Jesus, Senhor, obrigado por entregar seus filhos!"

veja também