Jovens relembram músicas que marcaram várias épocas em evento

Jovens relembram músicas que marcaram várias épocas em evento

Atualizado: Segunda-feira, 4 Julho de 2011 as 1:45

Sempre atento em levar a Palavra de Deus à juventude, o Força Jovem não mede esforços para fazer esse grupo crescer e florescer, para que muitos sejam alcançados para o Senhor Jesus; seja na educação, no esporte, na cultura, no lazer ou na música. Imagine, então, cantar músicas e temas que marcaram épocas. Foi assim que aconteceu o evento “requência Jovem Retrô. Realizado em alguns estados, desta vez chegou incendiando os jovens do Rio Grande do Sul, levando todos a uma viagem no tempo.

Foi uma tarde memorável,  marcada também pelo encerramento da gincana do mês. Os participantes do Bloco 3 (região de núcleos de apoio do Projeto),  receberam o título “Melhor do Estado”. Em seguida, todos puderam se divertir  com canções que marcaram épocas. Na oportunidade, esteve presente Ednaldo Mendes que, além de ser um grande cantor, teve na sua história uma ligação direta com o  grupo.

"Muitos não fazem nem ideia da importância desse trabalho, mas o Força Jovem é muito mais do que um simples grupo de igreja: é a família do jovem, que é órfão; é amigo do jovem, que se sente sozinho; é abrigo quando o mundo está desabando", disse o músico. Ele ainda  afirmou que se não fosse pelo trabalho do Força Jovem estaria perdido.

Para a participante Viviane Hallal, o evento superou completamente as expectativas. “Encontrei jovens muitos animados, organizados e de espíritos revoltados. Foi uma benção. Arrebentou!”, comemora.

Já o organizador do evento e coordenador do Força Jovem no estado, Dayvid Windson, expôs claramente sua satisfação pelo fato de que mesmo em uma tarde de chuva e frio de 10 graus, milhares de jovens ignoraram a temperatura e vieram em caravanas. “Foi um dia para ficar registrado. Esse jovens provaram que são realmente diferentes. Estou muito feliz por estar vendo no olhar de todos o resultado de um árduo empenho nosso  em educá-los”, conclui.

Segundo o bispo Francisco Decothé, responsável pelo trabalho evangelístico da IURD no estado, são esses eventos que atraem os jovens. "Eles querem sair da rotina. E esses tipos de atividades como gincana, música e diversão facilitam o trabalho mais importante: a conversão", finaliza.    

veja também