Jovens voluntários evangelizam cidade sem presença adventista

Jovens voluntários evangelizam cidade sem presença adventista

Atualizado: Segunda-feira, 17 Janeiro de 2011 as 12:30

Milhares de jovens e adolescentes curtem as férias de verão em locais como praias, parques aquáticos, hotéis de luxo ou casas de veraneio.  Quarenta e um jovens gaúchos, entretanto, decidiram abrir  mão destes e de outros privilégios, optando por um  programa alternativo.

Escolheram passar 30 dias envolvidos com um projeto denominado Calebe. Parte do grupo está na cidade de Cachoeira do Sul. Outros atuam em Feliz. A chamada Missão Calebe compreende ações de evangelização e ajuda humanitária. Além de suprirem necessidades básicas da população, como a coleta e doação de alimentos para famílias carentes, por exemplo, os voluntários vão até as casas e realizam gratuitamente estudos bíblicos com os moradores interessados, além de promoverem séries de conferências no turno da noite. É um projeto de evangelização em massa que atinge, principalmente, regiões sem a presença adventista, como é o caso da cidade de Feliz, que tem pouco mais de 11 mil habitantes.

As dificuldades são várias e uma delas é a própria resistência à presença evangélica em algumas cidades, o que, infelizmente, ainda é uma realidade em algumas regiões gaúchas também. Em Feliz, por exemplo, um líder religioso local fez uma advertência os membros de sua comunidade. Segundo sentenciou o clérigo, aqueles que se tornassem adventistas não teriam direito de ser enterrados no cemitério da cidade, conforme relata o líder do projeto Calebe para a região central do Estado, pastor Elton Bravo.

Superar esta e outras barreiras é um grande desafio para esse grupo de estudantes missionários distribuídos não só pelo território brasileiro, mas por outros países da América do Sul.

Início das conferências

Nas duas cidades gaúchas, pontos de evangelização no território da Associação Central Sul-Riograndense, uma série de conferências bíblicas começa no próximo sábado. As palestras acontecerão todas as noites, às 20 horas, até o dia 26 de janeiro.

veja também