Justiça manda prender pastor acusado de abusar de filha de fiel

Justiça manda prender pastor acusado de abusar de filha de fiel

Atualizado: Segunda-feira, 31 Janeiro de 2011 as 2:30

A pedido do MP (Ministério Público), a Justiça de Santa Inês (MA) mandou prender o pastor Nelson Domingos Moreno (foto), da Igreja Assembleia de Deus Ministério do Brasil, sob a acusação de pedofilia. Ele se encontra foragido.

A fiel Raquel Tomás Merênce disse ao MP ter descoberto que a sua filha K.T.M., 13, vinha sendo violentada pelo religioso havia três anos. De acordo com ela, a menina demorou em contar o abuso porque o pastor ameaçou matar toda a família se ela o fizesse.

Santa Inês tem 78 mil habitantes e fica a 243 km de São Luís.

Raquel disse que começou a suspeitar do comportamento da filha há um ano. “Ela não tinha mais vontade de cantar na igreja e vivia rebelde, usando maquiagem e se recusando a ir ao culto comigo.”

A fiel deixava com frequência a filha e um filho de 14 anos com o pastor, na maioria das vezes a pedido dele. Na última vez que ele levou a menina para cantar em outra igreja, K.T.M. voltou um dia depois do combinado.

“Meus filhos consideravam o pastor como um tio. Ele era atencioso. Sempre nos convidava para ir a uma fazenda e a encontros da igreja.”

Informou que o pastor deu para a filha um celular de modo que ficasse mais fácil ela falar com ele. O menino  ganhou uma guitarra e um contrabaixo.

A garota não soube dizer à polícia quantas vezes foi violentada, porque foram muitas. Há testemunhas de que o pastor costumava levar crianças a um motel da cidade.

Raquel e os filhos se mudaram de casa por temer represália do pastor.

Via Blog Paulo Lopes

Com informação do Agora Santa Inês e foto da polícia.

veja também