Liberto do alcoolismo, atleta afirma: "É Deus em primeiro lugar"

Liberto do alcoolismo, atleta afirma: "É Deus em primeiro lugar"

Atualizado: Terça-feira, 9 Novembro de 2010 as 1:48

O jogador de Beisebol e integrange da defesa do Texas Rangers,  Josh Hamilton fez uma aparição em uma mega-igreja, no último domingo, 7/11, para falar sobre a incrível temporada de sua equipe, testemunhar sua luta com o vício e sua caminhada com Jesus Cristo.

Apesar de sua equipe ter perdido na Série Mundial para o San Francisco Giants , Hamilton teve muito a comemorar.

Foi a primeira vez em 50 anos de história da equipe que o Rangers fez isso no Campeonato Mundial. O conjunto de química, paixão e determinação da equipe já foi uma grande conquista, na opinião do jogador.

"Nós fizemos história neste ano", disse Hamilton na Primeira Igreja Batista de Dallas. "E entre as melhores coisas que conseguimos, uma delas foi o aumento da oportunidade que Hamilton teve para falar de Jesus Cristo", disse ele.

"Isso foi o que eu mais gostei do ano inteiro... não vamos para o World Series ... mas tratava-se de compartilhar Cristo com as pessoas, muitas novidades, como, de preferência ao vivo, e dizer a eles que não podem 'cortar' o nome de Jesus", frisou o jovem atleta.

A luta de Hamilton contra o álcool e as drogas nos últimos anos tem sido pública. Sua recaída mais recente ocorreu no ano passado quando ele estava treinando para se preparar para a temporada de jogos programados de beisebol. Em um período de três semanas, ele tinha parado de ler a Bíblia, orar ou prestar contas. E foi durante esse tempo que ele tomou uma bebida... que levou a pelo menos mais 10.

Recordando o momento, Hamilton disse no domingo: "Isso aconteceu, porque eu coloquei Deus fora do primeiro lugar na minha vida."

Antes desse incidente, ele tinha renovado sua vida a Cristo na casa de sua avó e havia mudado as suas prioridades, colocando o lugar de Deus, sua família e sobriedade acima do beisebol.

"Tinha de ser Deus em primeiro lugar", destacou.

Depois de perceber o que tinha feito em 2009, ele imediatamente chamou sua esposa, os Rangers e a Grande Liga de Beisebol para relatar o que tinha acontecido. Desde então, ele manteve-se sóbrio.

O jogador admitiu aos milhares que estavam presentes na Primeira Igreja Batista que sua vida uma batalha diária. Mas ele encontrou forças em Cristo e tenta compartilhar Jesus com todos.

"Quando eu tento fazer coisas por conta própria... Eu não consigo", admitiu Hamilton. "Eu ainda posso falhar, mas isso é só para que eu possa crescer mais perto dEle", lembrou.

"É apenas um processo constante de aprendizagem - quando você falha e como você reage ao fracasso. Deus quer que você responda a Ele, vindo a Ele e pedindo ajuda", afirmou.

Josh ainda acrescentou que ao longo do ano passado, ele foi capaz de passar mais tempo com seus companheiros de equipe e ministrar a eles.

Por Audrey Barrick

veja também