Líderes garantem que maiores desafios de família são transmitir e manter valores espirituais

Líderes garantem que maiores desafios de família são transmitir e manter valores espirituais

Atualizado: Terça-feira, 25 Maio de 2010 as 12:19

Pelo menos 43 anos de casamento fazem do simpático casal Ronald e Karen Flowers boas referências para talvez uma das áreas com maiores desafios em qualquer igreja: a família. Os dois, que coordenam o Ministério da Família na sede mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia, passam por Brasília e visitaram a sede sul-americana da Igreja Adventista para oito países sul-americanos. Rapidamente, falaram com a reportagem da Agência Adventista Sul-Americana de Notícias (ASN), acompanhados do líder sul-americano do Ministério da Família, pastor Edison Choque.

O pastor Ronald Flowers, autor de vários livros sobre o assunto, disse que uma das maiores dificuldades está em que a fé cristã seja transmitida de geração em geração pelos pais aos filhos. Outro enorme desafio é a da manutenção de casamentos felizes e sólidos entre os próprios membros da igreja, além do combate à violência física e sexual que ocorre mesmo em lares de pessoas que se consideram cristãs. Flowers identifica como a secularização nas igrejas um dos modernos fatores de destruição e enfraquecimento familiar. Na sua avaliação, ''temos hoje uma tendência de sermos dirigidos pela cultura''. Ele e a esposa sabem do que falam. Viajam por mais de 90 países e tomam contato com diferentes pontos de vista culturais, mas enfatizam que nada pode afetar os princípios básicos que devem permear a vida de um casal com ou sem filhos.

É por esse motivo que os adventistas têm enfatizado, cada vez, mais projetos e programas de fortalecimento da família e de encontros e cursos que não apenas promovem a reafirmação das doutrinas, mas a consolidação dos relacionamentos. Afinal, os números a serem combatidos são os mais pessimistas, pois, em média, conforme o próprio casal Flowers indica, apenas 5% dos casais no mundo inteiro, independente de religião,  sobrevivem em seus casamentos.

veja também