Lúcio diz respeitar veto à religião pela FIFA

Lúcio diz respeitar veto à religião pela FIFA

Atualizado: Segunda-feira, 7 Junho de 2010 as 11:01

O capitão Lúcio, 32 anos, está evitando as jogadas de risco às vésperas da Copa e disse que vai respeitar a decisão da Fifa, que proibiu comemorações religiosas. Lúcio é um dos líderes da ala evangélica da seleção.

Ele sempre festeja os títulos com camisas com frases religiosas. Na conquista da Copa das Confederações, ele foi o único que amarrou a camisa do patrocinador da CBF na cintura e vestiu blusa com frases cristãs. "Se é imposto pela Fifa, a gente vai respeitar. Mas cada um tem a sua fé, acredita naquilo de que gosta, que vai ser positivo. Os cultos e as preces na concentração nunca foram uma coisa ruim na seleção", afirmou.

"Aqui, todo mundo se gosta, se respeita. A religião não é tema na seleção. O nosso objetivo é jogar futebol'', acrescentou Lúcio, que teme se contundir e aumentar a lista de lesionados ou dúvidas antes da Copa.

veja também