Lutador declara a revista que se arrepende de ensaio sensual que fez com a mulher Joana Prado na Playboy

Evangélico,Belfort fala da diferença entre sexo e fazer amor

Atualizado: Quarta-feira, 1 Fevereiro de 2012 as 2:10

O lutador do UFC Vitor Belfort afirmou que se arrepende do ensaio sensual que fez com a mulher Joana Prado, famosa pela personagem Feiticeira, em edição da revista Playboy. O carioca, hoje evangélico, explicou que seus valores mudaram e também comentou que sexo antes lutar não é um problema para ele.
Questionado pela revista Quem sobre as fotos que fez na terceira vez em que Joana posou para a Playboy, na edição de abril de 2002, ele se disse arrependido. “É lógico. Arrependo-me de várias coisas, por causa dos meus valores de hoje. A pessoa que não se arrepende não tem limtes”, afirmou ele.
Belfort e Joana tiveram um início de relacionamento bastante exposto na mídia. Eles participaram da Casa dos Artistas, reality show do SBT, em que já estavam juntos. Depois, ela realizou seu terceiro ensaio para a Playboy ao lado do lutador - uma presença masculina rara nas páginas da revista.
Belfort, que foi ao octógono em casa no último mês, vencendo Anthony Johnson no UFC Rio, também comentou um tabu comum no mundo das lutas, o sexo antes de combates. Pontou, no entanto, a diferença entre “sexo” e “fazer amor”.
“Sexo é um ato, desejo carnal de um homem e uma mulher. Deus fez o amor. Antes da luta, fazer amor não faz mal”, opinou ele, contrariando a posição de muitos atletas, que preferem a abstinência nos últimos dias antes de um duelo.
O veterano carioca se prepara para voltar a um reality show. Agora, ele será técnico na primeira edição brasileira do The Ultimate Fighter, que será transmitido pela Rede Globo. O treinador rival será Wanderlei Silva, que ganhará revanche contra Belfort após o programa, em edição do UFC esperada para ocorrer em São Paulo, em junho.

veja também