Lutador evangélico, Belfort volta afirmar que artes marciais não é um esporte violento

"Minha arte é o nocaute", diz evangélico Vitor Belfort

Atualizado: Quarta-feira, 29 Fevereiro de 2012 as 11:12

O evangélico Vitor Belfort segue como um dos lutadores que mais levantam a bandeira do MMA em níveis de divulgação. Em entrevista recente a revista GQ  o lutador voltou a comparar as artes marciais mistas com o futebol, mistura que entrou em moda nos últimos tempos no Brasil e não para de render polêmicas. "O MMA é muito menos corrupto que o futebol. Por isso este esporte vai longe e pode ser o primeiro na preferência dos brasileiros", disse o lutador.

Belfort também define o esporte como uma arte cheia de regras: "O esporte que faço não é violento porque tem um bocado de regras. Prefiro dizer que é agressivo. Mas também é agressivo pilotar um carro a 300 quilômetros por hora ou andar em cima de uma bicicleta a 100. É relativo. Naquele momento em cima do octógono sou um artista, o pintor de um quadro. É assim que me vejo. Minha arte é o nocaute", completou Belfort.

veja também