Mãe de quatro crianças é assassinada por causa de sua fé

Mãe de quatro crianças é assassinada por causa de sua fé

Atualizado: Sexta-feira, 28 Janeiro de 2011 as 2:24

A mãe de quatro crianças foi assassinada por causa de sua fé cristã, no dia 7 de janeiro, na periferia de Mogadíscio, Somália, por extremistas islâmicos da milícia de Al Shabaab, disse um parente da vítima.

O parente, que pediu para não ser identificado, disse que Asha Mberwa, 36, foi assassinada no vilarejo de Warbhigly: os islâmicos extremistas cortaram sua garganta na frente dos moradores, que saíram de suas casas como testemunhas.

Ela deixou seus filhos – de 12, 8, 6 e 4 anos – e seu marido, que não estava em casa na hora em que ela foi capturada. O marido dela, Abdinazir Mohammed Hassan, mudou-se para um lugar desconhecido.

O parente que falou conosco disse que tinha ligado para ela no dia 5 de janeiro, para planejar levar sua família para outra área. Os extremistas da Al Shabaab, que controlam uma grande parte de Mogadíscio, tinham como monitorar as ligações e confirmaram que ela tinha se tornado cristã. Ele disse que "Asha estava recebendo mensagens ameaçadoras", depois que Al Shabaab monitorou suas comunicações anteriores com ela.

O parente de Mberwa, que tem sua localização sob sigilo por motivos de segurança, disse que um  "bom samaritano" em Mogadíscio está cuidando dos quatro filhos dela, que continuam a chorar por sua mãe.

veja também