Malafaia comenta criação de partido político da Assembleia de Deus

Malafaia comenta criação de partido político da Ass. de Deus

Atualizado: Sexta-feira, 29 Junho de 2012 as 10:52

O jornal O Globo de terça-feira, dia 26, publicou a notícia que a Igreja Assembleia de Deus foi que criou o Partido Ecológico Nacional (PEN). A notícia estava na coluna 'Panorama Político'.

Silas Malafaia, pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, comentou a notícia em seu site e repudiou a atitude de líderes que usam o nome da igreja para determinadas ações.

"Deixem a igreja fora dessa questão", pede ele.

Leia o comentário de Silas Malafaia na íntegra:

Uma das provas do crescimento da igreja evangélica brasileira é que qualquer notícia relevante ou notícias fabricadas, que envolvam igrejas ou pastores, tem vez na imprensa. Por causa disto, espertalhões de plantão sem nenhuma expressão ou representatividade no meio evangélico querem tirar proveito para algum interesse próprio.

A outra questão é: por que um jornal da grandeza e reputação de “O Globo”, planta uma notícia que não tem uma fala de nenhum líder de expressão das Assembleias de Deus? Pela estrutura organizacional desta Igreja, ninguém pode abrir partido político em nome dela, se tem membros ou pastores abrindo partido político, o favor que eu peço é que respeitem os milhões de assembleianos que não tem nada a ver com isso.

Por favor, deixem a igreja de fora desta questão, e o que o povo evangélico precisa aprender, incluindo os assembleianos, é que precisamos exercer a nossa cidadania, termos representantes do nosso segmento em todas as instâncias de poder, mas jamais se utilizar do nome da igreja, pois ela é de Jesus.

Leia também:

Líder cristão incentiva a Igreja a falar sobre abuso sexual

Hillsong divulga vídeo oficial da faixa-título do novo álbum


com informações do Verdade Gospel

veja também