Malafaia promoverá casamento coletivo em penitenciárias do RJ

Malafaia promoverá casamento coletivo em penitenciárias do RJ

Atualizado: Quinta-feira, 20 Outubro de 2011 as 2:58

A Associação Vitória em Cristo (Avec), instituição sem fins lucrativos liderada pelo pastor Silas Malafaia, promoverá casamento coletivo nas penitenciárias Moniz Sodré, Esmeraldino Bandeira e Bangu 3, todas situadas no Rio de Janeiro. O evento acontecerá nos dias 21, 24 e 25 de outubro de 2011, respectivamente, a partir das 13h. Os internos se converteram ao evangelho na prisão. Por isso, para eles, mais do que uma festa, a cerimônia representa a legalização de seu relacionamento diante de Deus e a valorização da família.

A iniciativa faz parte dos projetos sociais apoiados pela Avec. O patrocínio contempla 30 casais (10 em cada unidade penitenciária), e inclui as despesas com o casamento civil e religioso, vestido de noiva, alianças de ouro, buffet, ornamentação das capelas e duas Bíblias para o casal. "Nossa intenção é contribuir para a vida espiritual e social desses internos, e oferecer um dia especial para eles e seus familiares", declara a gerente da Avec, Lívia Malafaia. [Como o presídio Bangu 3 é de segurança máxima, esta unidade não terá buffet.]

Esta não é a primeira vez que a Avec promove um casamento coletivo. Em dezembro de 2010, 17 casais disseram o sim diante de familiares e convidados nos casamentos realizados nos presídios masculinos Moniz Sodré e Esmeraldino Bandeira (foto). A ação promovida pela Avec repercutiu positivamente junto ao Sistema Penitenciário. "O interno precisa muito da família, e a Igreja é um dos instrumentos de ressocialização", avaliou Carlos Rogério Campos, diretor da penitenciária Esmeraldino Bandeira.

O convênio firmado entre a Avec e a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) para o casamento coletivo foi divulgado no Diário Oficial sob o número E21/901.497/2010.

veja também