Marcha contra a venda de cerveja e vinho

Marcha contra a venda de cerveja e vinho

Atualizado: Terça-feira, 17 Agosto de 2010 as 1:33

Algumas centenas de pessoas se reuniram em uma marcha contra a venda de cerveja e vinho na cidade de Booneville, Mississippi, no domingo (15).

A manifestação tinha como objetivo chamar atenção para o referendo que acontecerá na terça-feira sobre a venda das bebidas alcoólicas na cidade. A maior parte dos manifestantes são filia dos à Citizens Against Alcohol Sales (Cidadãos Contra a Venda de Bebida Alcoólica).

A venda de cerveja e vinho light (?) passaria a ser legalizada caso a campanha de Gary Walker, da organização Citizens for New Business and Growth (Cidadãos por Novos Negócios e Crescimento), dê resultados. "Na terça-feira todos vão poder escolher o que seus corações acharem melhor sem ninguém olhando sobre seus olhos", disse Walker, que alega que a liberação das bebidas vai gerar empregos e renda para a pequena cidade.

Do lado dos manifestantes, Irmão Lee Dillard, pastor da Irgeja Batista de Booneville e porta-voz do Citizens Against Alcohol Sales, diz que "os benefícios são menores que as vantagens" da proibição. Ele chega a citar estatísticas de crimes cometidos sob o efeito de álcool como argumento. "40% dos perpetradores estão sob a influência de bebidas alcoólicas imediatamente antes ou depois que cometem crimes violentos", disse Dillard.

veja também