“Médicos disseram que eu nunca mais andaria, mas Deus fez o milagre”, diz ex-paraplégico

Joel afirma que o tempo em que passou sem mexer as pernas o aproximou de Deus, pois passou a ler mais a Bíblia.

fonte: Guiame, com informações da CBN News

Atualizado: Terça-feira, 24 Abril de 2018 as 12:45

"Poder jogar novamente é um presente que Deus me deu para glorificá-lo", disse Joel. (Foto: Reprodução).
"Poder jogar novamente é um presente que Deus me deu para glorificá-lo", disse Joel. (Foto: Reprodução).

Assim como muitos garotos, Joel tinha um sonho e objetivo: ser jogador de basquete. Ele cresceu em Indiana (EUA) e nunca tirou os olhos de seu foco. “Gastei muito tempo e esforço em ser um jogador de basquete”, conta ele para a CBN News.

No ensino médio, ele havia alcançado esse objetivo e tinha a admiração de treinadores e fãs. Mas, Joel lutava contra uma doença degenerativa de disco, nas costas. “Tomava analgésicos e para ajudar, fui a um quiroprático várias vezes. Mas, sem tempo para me tratar acabei piorando”, relembra.

Joel foi recrutado pelo Hope College, em Michigan. Mas um dia, durante um jogo, ele ouviu algo estourar nas costas. "Comecei a sentir um pouco de dormência e formigamento nos dedos dos pés. Nunca tinha experimentado isso antes".

Ele foi direto para o Pronto Socorro e fez uma ressonância magnética. Recebeu medicação para dor e quando acordou ele estava paralisado da cintura para baixo. Joel ligou desesperado para seu pai e depois orou a Deus pedindo sabedoria. Quando Eric, seu pai, chegou, ele não estava preparado para o que viu.

No hospital St. Vincent, em Indianápolis, Joel passou por 11 dias de testes. No final, os médicos não encontraram razão para a paralisia. Ele foi para casa confinado a uma cadeira de rodas. “Eu acho que meu grande desafio foi refletir sobre as perguntas que estavam passando pela minha cabeça, pois não havia diagnóstico”.

Joel passou a culpar Deus. “Foi culpa dele, Ele causou isso. Isto não é o que eu deveria fazer na vida. Deus estragou o meu futuro e meus planos”, disse ele na época. Enquanto isso, as pessoas de sua igreja estavam orando por sua cura. Sua mãe, Karen, lembra bem disso. “O corpo de cristo estava do nosso lado e nos encorajou, orou conosco”.

Joel afirma que o tempo em que passou sem mexer as pernas o aproximou de Deus. (Foto: Reprodução).

Um dia, Joel entregou todos os seus medos a Deus. “Eu me sentia um inútil e sem valor. Sentia-me vazio, mas depois percebi que eu estava começando a esvaziar o lixo que estava em minha vida e entregá-lo a Deus. Depois eu realmente descobri a verdade que estava procurando e que estava na pessoa de Jesus. Eu senti um peso enorme sair dos meus ombros”, disse ele.

Joel passou a ler a Bíblia, orar e acreditar na cura. Em um domingo, outro membro da igreja, Braxton Farmer, que estava orando pela cura, contou a Joel algo que Deus lhe dissera. “Eu estava orando e então ouvi uma voz dizer: 'Ele vai andar na quinta-feira'. Era uma voz suave”, contou.

“Imediatamente o Senhor me lembrou de um sonho que eu tive. Eu estava correndo pelo túnel da escola. Vi uma arte que dizia J-23”. Joel verificou que faltavam quatro dias para o 23 de janeiro e era uma quinta-feira. "Eu me assustei", disse. Às 3 da manhã da quinta-feira, Joel sentiu formigamento nos dedos dos pés.

“Começou a formigar até as minhas pernas e ficou muito dolorido. Então demorou uma hora e meia para chegar aos meus quadris e foi aí que a dor cessou, passei a mexer os dedos dos pés. Lembro-me de balançar as pernas ao lado da cama por 20 minutos. Já não importava mais o que os médicos tenham a dizer. Os médicos disseram que eu nunca mais andaria. Pois eu levantei e andei como se nada estivesse errado. Deus fez um milagre", salientou.

Hoje, quando Joel vai ao basquete com os amigos, ele está muito mais consciente do amor de Deus e do poder de cura. "Poder jogar é um presente que Deus me deu para glorificá-lo. Ele abriu mais o meu coração. Mais do que coisas sobrenaturais, Deus quer fazer milagres e curas. Jesus deu minha identidade. Ele me deu uma nova mente, Ele me deu a Sua mente e Ele me criou de novo. Foi o que ele fez. Jesus restaurou completamente minha vida”, finalizou.

Confira o testemunho de Joel (em inglês):

veja também